Até quando devo orar pela minha família?

Não deixe que o sofrimento e a angústia pelo tempo de espera tirem as suas forças

Edvaldo Oliveira - 31/03/2019 10h02

Deus pode usar as circunstâncias para nos fazer crescer espiritualmente Foto: Pixabay

“Por isso eu digo: peçam e vocês receberão; procurem e vocês acharão; batam e a porta será aberta para vocês. Porque todos aqueles que pedem recebem; aqueles que procuram acham; e a porta será aberta para quem bate” (Lucas 11:9-10).

Muitas pessoas nos mandam mensagens todos os dias dizendo que estão há muito tempo orando pelo seu casamento, pela restauração da sua casa, para que Deus abra uma porta de emprego, pela conversão dos seus filhos ou pela libertação de seus maridos. E o discurso muitas vezes é o de que já oraram muito, e não viram nenhuma mudança. Então vem aquela dúvida: “Será que eu devo continuar orando? Até que ponto devemos buscar a Deus por uma resposta, um milagre ou uma reconciliação?”.

Jesus usou uma parábola para nos falar a respeito da perseverança na oração. A verdade é que a maioria das pessoas que dizem estar aguardando o agir de Deus tem esperado muito, mas orado pouco. Queremos que as respostas venham de forma instantânea e, quando não somos atendidos, passamos a reclamar mais do que orar. Você que diz que tem orado por um milagre, então, examine o seu tempo diário de oração e busca. Pode-se dizer que pelo menos uma hora do seu dia é dedicada à oração? Não se preocupe com a resposta, pois até os discípulos de Jesus, quando foram convocados a orar por Ele, dormiram, não conseguiram orar nem por uma hora sequer.

Não deixe que o sofrimento e a angústia pelo tempo de espera tirem as suas forças. Hoje o Senhor quer renovar o seu espírito, Ele quer que você entre no seu quarto e fale secretamente com Ele. Ana era uma mulher estéril e, para ter um filho, a Bíblia diz que ela orou com amargura de alma. As Escrituras não falam por quanto tempo ela esperou para que a promessa de Deus se cumprisse em sua vida.

Deus pode usar as circunstâncias para nos fazer crescer espiritualmente e nos tornar íntimos do Espírito Santo. Por isso, muitas vezes a demora de Deus é para tratar os nossos defeitos. Se você está esperando, não desista. E, quando estiver desesperado e angustiado, entregue tudo nas mãos de Deus, e lembre-se de que o Senhor faz as coisas acontecerem no tempo Dele, e não no nosso.

ORAÇÃO
Pai, eu te dou graças pela Sua Palavra e pelo Seu cuidado para conosco. Senhor, muitas pessoas que ouvem essa mensagem estão sem forças, se sentindo abandonadas e esquecidas, porque clamaram ao Senhor por muito tempo e não tiveram resposta para o seu sofrimento. Muitas ainda hoje convivem com o drama da separação, da traição, da rejeição, da crise familiar, do desemprego e das enfermidades. Eu te peço, Senhor, que tenha misericórdia de nós e nos dê forças para que possamos prosseguir pedindo, procurando e batendo. Cumpra a Sua vontade em nossa vida. Eu oro em nome de Jesus. Amém.

ACOMPANHE O MINUTO COM DEUS NO YOUTUBE.

Edvaldo Oliveira é coordenador e idealizador do Ministério Minuto com Deus. É formado em Teologia Ministerial pelo Seminário Cristo para as Nações e em Administração de Empresas. Mora em Belo Horizonte e congrega na Igreja Batista Videira.

Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo