Leia também:
X O verdadeiro poder feminino

Cinema em casa: Conforto e Tecnologia

Automação residencial hoje, faz a integração total com áudio, vídeo, iluminação, segurança, câmeras, controle de acessos e muito mais, inclusive com comando de voz

Bia Sartori - 10/07/2020 12h00

 

Quando decidi escrever sobre esse tema, logo me veio à mente algumas recordações, revelando que sou do século passado. Vi muitas transformações tecnológicas chegando nas nossas casas. E como era empolgante cada novidade! Ouvir falar, experimentar, até se tornar comum. Hoje, com a velocidade, nem damos conta de saber de todas as novidades, muito menos experimentar cada uma delas. E o que se torna comum para alguns, não se torna comum para outros, dependendo das atividades e atuação de cada um. O que pode me interessar, pode não te interessar em termos de tecnologia…

Voltando ao que é comum, o que a grande maioria compartilha, é o entretenimento em família, seja para informação ou somente diversão. Aquela hora gostosa de relaxamento, de se aconchegar em um sofá gostoso para assistir um filme, um documentário, um show.

Havia uma época que podíamos fazer isso com alguns amigos! Hoje, em meio a pandemia do COVID-19, somente com quem mora conosco, e olhe lá! Lembro quando lançou o vídeo cassete! Ir na casa de alguém para um programa que incluía um filme era um luxo! Aos poucos, fomos inundados por aparelhos, controles remotos que facilitavam tudo.

Como muita coisa na vida, os excessos acontecem. E de repente ficamos com muitos controles remotos, um para cada tipo de aparelho e a coisa passou de conforto para complicação. A tecnologia forneceu a possibilidade de integrações. E essa palavra, integração, mudou tudo! Hoje falamos em sistemas de automação, onde várias funções são integradas de acordo com as demandas, sejam industriais, corporativas ou residenciais, com grandes variações de complexidade e custos. Há uma diversidade de sistemas integrados, quando se fala em automação. Na atualidade muitos eletrodomésticos estão sendo integrados, trazendo cada vez mais conforto e economia.

As simples salas de estar com TV, passaram a ambientes separados para esse fim. Seja qual tamanho for, pequenos ou amplos, ainda encontramos muitos ambientes mistos também. Neste contexto a tecnologia trabalha para nosso conforto, integrando programações de cenas de iluminação, abrir e fechar as cortinas e persianas, temperatura do ar condicionado, som e imagem. Tudo na sua mão, muitas vezes no seu próprio celular ou tablet.

E de repente ficamos com muitos controles remotos, um para cada tipo de aparelho e a coisa passou de conforto para complicação

Na questão de sonorização, há uma diversidade de modelos, de acordo com a exigência. Hoje, existem caixas acústicas de variadas cores, podem ser embutidas em forros, ou até mesmo específicas para ambientes externos. Os audiófilos mais exigentes deliram! Para os amantes de uma boa música, são lançados toca-discos, para delírio de colecionadores de vinil.

Há muita técnica na hora de planejar um ambiente “cinema em casa”. A posição adequada do mobiliário, distâncias dos assentos em relação à tela e caixas de som, recursos para conforto acústico e de temperatura. Em ambientes mistos, podemos usar as telas de projeção em vidro Dualface, que possibilita assistir em ambos os lados. Ou ainda incrementar ainda mais com Videowall, em medidas variadas.

Conversei com especialista Nelson Coelho, da Cinemma® Audio Video Automação, e ele comenta que a automação residencial hoje, faz a integração total com áudio, vídeo, iluminação, segurança, câmeras, irrigação de jardins, controle de acessos e muito mais, inclusive com comando de voz, podendo ser modular, customizado, com ou sem fio.

Lembramos que quando a automação começou a ser acessível, era quase uma questão de ostentação. Ele diz: “A automação vai além do conforto e comodidade. Hoje é sinônimo de economia de energia, ter mais segurança e valorização do patrimônio. ”

E quando pensamos em cinema em casa, ele nos atualiza: “Uma melhora no vídeo é adquirir um projetor dedicado para Home Theater, os mais novos são de LED Laser, que não precisa mais trocar a lâmpada. A vida útil do projetor agora no LedLaser é a mesma de um televisor. Uma tela de projeção com ganho de contraste é uma boa pedida. Para ambientes mais claros existem as telas de projeção com ALR Ambient Light Rejection. Mesmo com luz do dia a projeção segue sem esmaecimento. ”

Dependendo do seu objetivo e recursos físico-financeiros encontramos diversas opções para nos atender. Com o acesso às plataformas de streaming, cada vez mais, os ambientes de TV ou cinema em casa serão usados.

E o que seriam alguns dias de reclusão por conta da pandemia, se tornaram meses em alguns lugares do planeta, como o nosso! E mesmo sendo otimista, precisamos absorver a realidade modificada que teremos nos próximos anos. Provavelmente, usaremos mais nossas salas de TV, não só para entretenimento, mas para estudo e trabalho. Quantas pessoas estão improvisando nesses ambientes!

Vislumbrando mais uma vez, as alterações e benefícios que teremos um pouco mais à frente, impondo a busca por alternativas e definições de caminhos para integrar nossas necessidades de relacionamento, trabalho e saúde. E também, podendo contar com a tecnologia para trazer economia de recursos e uma boa dose de conforto!

Bia Sartori , designer de interiores formada pelo SENAC e pós-graduada pelo IPOG; personal organizer formada pela OZ!, pedagoga com especialização em Orientação Educacional pela PUCC.
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.