Leia também:
X Pastor do Voz da Verdade agradece por ter música cantada para Mendonça

“Papa, você é um herege”, grita padre ortodoxo em Atenas

Ioannis Diotis precisou ser controlado e afastado do local pela polícia

Thamirys Andrade - 05/12/2021 12h31 | atualizado em 05/12/2021 13h59

papa francisco é chamado de herege em atenas
Papa Francisco é chamado de herege, em Atenas Fotos: Reprodução Twitter | EFE/EPA / Louisa Gouliamaki

Em visita à Igreja Ortodoxa Grega nesse sábado, (4), o papa Francisco foi alvo de ataques verbais por parte do padre Ioannis Diotis. Na ocasião, o pontífice foi acusado de ser “herege”, e Diotis precisou ser controlado pela polícia e levado para longe do local.

– Papa, você é um herege – gritou o padre, alto o bastante para que o líder da Igreja Católica ouvisse, segundo testemunhas.

À imprensa, Ioannis disse que a visita do papa Francisco é “inaceitável”.

– Eu disse que ele é um herege, para se arrepender. É inaceitável o Papa na Grécia, ele deveria se arrepender – reiterou.

Francisco entrava no arcebispado de Atenas para se encontrar com o chefe da Igreja Ortodoxa Grega no momento em que foi hostilizado.

Esta não é a primeira vez que um pontífice é alvo de protestos em viagem à Grécia. Em 2001, João Paulo II foi hostilizado por parte de monges e clérigos. Na ocasião, o pontífice pediu desculpas por erros cometidos por católicos aos irmãos ortodoxos.

Aquela foi a primeira visita de um papa à região desde o Grande Cisma, em 1054, quando houve a separação entre cristãos ocidentais e orientais.

Leia também1 Papa Francisco vê retrocesso na democracia mundial
2 Web compara monumento da ONU com besta do Apocalipse
3 Talibã decreta que afegãs podem consentir com casamento
4 Embaixador na UE faz ensaio como "Virgem Maria trans"
5 EUA: Pais de atirador em escola responderão por homicídio

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.