Leia também:
X Presidente da Caixa: “Vida inteira pautada pela ética”

Mourão sobre o caso Pedro Guimarães: “Deve ser apurado”

Vice-presidente foi questionado sobre as denúncias contra o presidente da Caixa Econômica

Monique Mello - 29/06/2022 13h08 | atualizado em 29/06/2022 14h39

Vice-presidente Hamilton Mourão foi sucinto ao falar de Pedro Guimarães Foto: Bruno Batista /VPR

O vice-presidente da República Hamilton Mourão classificou o caso Pedro Guimarães como “delicado”. O presidente da Caixa está sendo acusado por funcionárias do banco estatal de assédio sexual.

Mourão defende que as denúncias sejam apuradas, mas se absteve de se estender sobre o assunto.

– Sem comentários. Assunto delicado. Deve ser apurado a veracidade – em entrevista à CNN Brasil nesta quarta-feira (29).

DENÚNCIAS
O presidente da Caixa, Pedro Guimarães, está sendo acusado por funcionárias do banco estatal de ter praticado assédio sexual contra elas em diversos episódios. De acordo com o site Metrópoles, que divulgou os relatos, o Ministério Público Federal (MPF) abriu uma investigação para apurar a conduta de Guimarães com as colaboradoras.

Na reportagem, várias mulheres relataram toques íntimos não autorizados e abordagens inadequadas que teriam sido praticadas por Guimarães. Em um dos relatos, uma funcionária diz que Guimarães teria passado a mão em suas nádegas. Além disso, colaboradoras contaram que o presidente do banco teria feito comentários constrangedores em diversas situações.

Leia também1 Aliados de Bolsonaro já indicam um novo nome para a Caixa
2 Pedro Guimarães é acusado de assediar funcionárias da Caixa
3 Caso Henry: Monique Medeiros é levada de volta para a prisão
4 Governo de SP barra aumento de R$ 4 mil para procuradores
5 Fenaj denuncia colunista Leo Dias por caso Klara Castanho

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.