CORONAVÍRUS
- Tudo o que você precisa saber
-->
Leia também:
X Distanciamento social: Escola adota Chapéu Chega Pra Lá

Nova Iorque: Trump critica governador após noite de caos

"O governador se recusou a aceitar a minha oferta de uma Guarda Nacional dominadora", declarou presidente dos EUA

Pleno.News - 02/06/2020 15h20 | atualizado em 02/06/2020 15h21

Trump criticou governador após noite de caos em Nova Iorque Foto: EFE/Jim Lo Scalzo

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou nesta terça-feira (2) que a cidade Nova Iorque ficou “em pedaços” após uma noite de saques e distúrbios, motivo pelo qual criticou o governador do estado, o democrata Andrew Cuomo, que recusou o envio da Guarda Nacional.

– Ontem foi um dia ruim para os irmãos Cuomo [também se referindo ao irmão de Andrew, Chris, jornalista da CNN]. Nova Iorque ficou perdida nas mãos de saqueadores, bandidos, a esquerda radical e outras formas escórias – escreveu o mandatário no Twitter.

Trump havia anunciado na segunda-feira, na Casa Branca, a mobilização de “milhares e milhares de soldados fortemente armados” para deter a onda de protestos, e se classificou como o “presidente da lei e da ordem”.

– O governador se recusou a aceitar a minha oferta de uma Guarda Nacional dominadora. A cidade de Nova Iorque foi deixada em pedaços – acrescentou o presidente.

Embora o prefeito, Bill de Blasio, tenha decretado o primeiro toque de recolher obrigatório em Nova Iorque em 77 anos, a cidade viveu uma nova noite de caos, violência, detenções e saques, principalmente em lojas e estabelecimentos em Manhattan. Entre eles, a enorme loja da Microsoft na luxuosa Quinta Avenida, a Macy’s e uma loja da Lego no Rockefeller Center.

Em contrapartida, Trump citou o exemplo da situação em Washington, onde as forças policiais dispararam balas de borracha e gás lacrimogêneo contra os manifestantes.

– Washington não teve problemas ontem à noite. Muitas detenções. Ótimo trabalho de todos. Força esmagadora. Dominante. Da mesma forma, Minneapolis esteve bem. Obrigado, presidente Trump – disse.

*Com informações da Agência EFE

Leia também1 Trump caminha até igreja destruída com Bíblia nas mãos
2 Trump ameaça pôr Exército nas ruas para conter protestos
3 Cristã e patriota, saiba quem é a chefe de imprensa de Trump
4 Trump critica protesto na Casa Branca: 'Nada a ver com Floyd'

Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo