Leia também:
X Brunet posta foto em hospital e relata arritmia cardíaca aguda

Disciplina: Igreja Deus é Amor afasta Léia Miranda por 5 anos

Evangelista se manifestou por meio das redes sociais, nesta quinta-feira

Pleno.News - 07/10/2022 09h40 | atualizado em 07/10/2022 11h53

A evangelista Léia Miranda foi disciplinada Foto: Reprodução Youtube

Nesta quinta-feira (6), a evangelista da Igreja Pentecostal Deus é Amor (IPDA), Léia Miranda, disse que a diretoria da igreja estipulou um tempo de disciplina para ela. Ela teria recebido na última quarta (5) um comunicado com a decisão.

Foi decidido que a filha de David Miranda, fundador da Deus é Amor, terá um afastamento de cinco anos. No entanto, dependendo de sua conduta, o prazo poderá ser reduzido para três anos e três meses.

Léia disse que a decisão não se deve ao áudio de uma conversa sensual que foi atribuída a ela, mas sim por insubordinação. Segundo a religiosa, na próxima semana sairá um laudo que esclarecerá ainda mais a questão do áudio.

Com o afastamento, Léia Miranda não poderá pregar, cantar e participar de santas ceias. A previsão é que ela passe a morar no Rio de Janeiro e passe a frequentar uma unidade da Deus é Amor cujo pastor será designado para oferecer suporte espiritual, de acordo com informações do Portal do Trono.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Léia Miranda (@leiamiranda_oficial)

Leia também1 Brunet posta foto em hospital e relata arritmia cardíaca aguda
2 Cristã é presa na Inglaterra por criticar ideologia de gênero
3 Ricardo Gondim diz que Deus não é soberano
4 Ana Paula Valadão declara apoio a Jair Bolsonaro: "Princípios"
5 "E aí?": Malafaia resgata vídeo de Alckmin na maçonaria

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.