Leia também:
X RJ: Nelson Teich visita hospital e faz entrega de equipamentos

Muro das Lamentações volta a ser aberto ao público

Moradores poderão visitar seus familiares pela primeira vez após o surto

Rafael Ramos - 09/05/2020 17h29 | atualizado em 09/05/2020 17h42

Israel reabriu Muro das Lamentações Foto: EFE/EPA/Abir Sultan

Um dos lugares mais visitados pelo público em Jerusalém, o Muro das Lamentações está sendo reaberto em Israel. A medida se deu após o declínio de taxas de novos casos diários de coronavírus no país.

Mesmo com a reabertura do local sagrado, aqueles que desejam fazer suas orações devem procurar áreas designadas para manter o distanciamento social. Com o fim do lockdown, moradores poderão visitar seus familiares pela primeira vez após o surto, mas ainda pede-se que abraços e beijos sejam evitados.

Também será permitido que grupos de até 20 pessoas se encontrem ao ar livre. Em duas semanas, o número aumentará para 50 indivíduos. Reuniões públicas de até 100 pessoas serão permitidas até o dia 31 de maio. E, desde que “nenhuma luz vermelha esteja acesa”, as restrições serão suspensas no dia 14 de junho.

– Desenvolvemos um plano abrangente nos últimos dias, que permite ao Estado de Israel retornar gradualmente a uma ‘rotina adaptada ao coronavírus. Mas, voltando à economia, as áreas pública e privada permanecem dependentes de vocês, dos cidadãos. Depende de sua disciplina e responsabilidade – disse o primeiro-ministro israelense Benjamin Netanyahu.

Mais de 16.200 pessoas foram infectados com o coronavírus em Israel. Cerca de 10 mil já se recuperaram e 235 morreram. De acordo com Netanyahu, em caso de um novo surto, as restrições serão retomadas.

Leia também1 Coronavírus: O que significa lockdown e como funciona
2 Osmar Terra acusa mídia de manipular números da Covid
3 Malafaia sobre quarentena: "Até onde o Brasil aguenta?"

WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.