CORONAVÍRUS
- Tudo o que você precisa saber
-->
Leia também:
X Tonzão retorna à igreja: “Não quero viver sem o Senhor”

É fake! Paulo Pagni, baterista da banda RPM, não morreu

Morte foi confirmada por engano

Gabriela Doria - 03/06/2019 10h46

Paulo Pagni está internado em UTI Foto: Reprodução

Neste fim de semana, circulou a notícia de que o baterista da banda RPM, Paulo Pagni, teria morrido. No entanto, a informação foi desmentida horas após a veiculação. O músico está internado na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) de um hospital na cidade de Salto, em São Paulo.

O motivo da confusão foi porque a própria banda teria recebido a confirmação da morte do seu integrante. Por isto, o grupo comunicou a morte de Paulo na rede oficial da banda. A nota de pesar foi assinada pelos músicos Fernando Deluqui, Luiz Schiavon e Dioy Pallone.

A nota ficou no ar até que a Showtime 19, empresa que agencia a RPM, corrigir a informação.

 

Leia também1 Revista publicou charge de Bolsonaro protegendo o país?
2 Japão não iniciou produção de bebês em úteros artificiais
3 Bolsonaro não pediu mudança nas cores das cédulas de real

Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo