CORONAVÍRUS
- Tudo o que você precisa saber
-->
Leia também:
X Espanha celebra mais um dia sem mortes por Covid-19

Atriz é criticada por lançar grife inspirada no coronavírus

Através da Vírus 2020, Thaila Ayala convida o público a espalhar o vírus do amor

Rafael Ramos - 08/06/2020 15h51 | atualizado em 08/06/2020 15h52

Longe da TV desde 2019, a atriz Thaila Ayala voltou a ser assunto nas redes sociais, chegando a ter seu nome no primeiro lugar dos Trending Topics, mas não foi por causa de um novo trabalho, uma boa ação ou declarações sobre sua fé. Em meio à pandemia do novo coronavírus, que já matou quase 400 mil pessoas ao redor mundo, Thaila foi bastante criticada ao lançar uma grife chamada Vírus 2020.

– 2020: Um vírus fez estremecer o planeta, fechar fronteiras, monitorar governos, segregar pessoas, amedrontar consciências e trancar portas. Imagina quando for o vírus do amor, da empatia e da união entre os seres? A Vírus 2020 convida vocês para viralizar o melhor da vida e construir um novo mundo mais colorido. Vamos juntos!

Seguindo a tendência tie dye, as peças custam entre R$ 137 e R$ 367. Além de Thaila, os atores Juliana Xavier, Renato Góes e Letícia de Sá também são garotos propagandas da Vírus 2020, que, devido à enxurrada de reclamações, adotou o nome AMAR.CA, justificando a mudança por querer cada vez mais ter um canal aberto com o público.

Não é a primeira vez que celebridades e marcas se envolvem em polêmica com assuntos delicados. Em 2019, a Jendayi Cosméticos foi duramente criticada depois que lançou um ensaio fotográfico inspirada na tragédia de Brumadinho, em Minas Gerais. As fotos traziam dois adultos e uma criança cobertos de lama, o que fez os internautas acusarem a empresa de oportunismo.

Leia também1 BNDES dará socorro de R$ 2 bi para hospitais e laboratórios
2 Rio: Demanda cai e hospitais reduzem alas de Covid-19
3 DF: Professora cria máscaras divertidas para crianças
4 Nova Zelândia afirma que zerou casos ativos de Covid-19
5 Bolsonaro culpa governadores por desemprego no país

Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo