CORONAVÍRUS
- Tudo o que você precisa saber
-->
Leia também:
X Temer: Denúncia ‘é realismo fantástico em estado puro’

Brasileiros pagaram mais de R$ 1,5 trilhão em impostos

Resultado do ano está no Impostômetro, que alcançou a marca 22 dias antes do que em 2016

Henrique Gimenes - 14/09/2017 21h35 | atualizado em 15/09/2017 14h06

Brasileiros já pagaram mais de R$ 1,5 trilhão em impostos no ano Foto: USP Imagens

Os brasileiros já pagaram, desde o dia 1º de janeiro até hoje, dua 14 de setembro, mais de R$ 1,5 trilhão em impostos. O número foi registrado pelo Impostômetro, de iniciativa da Associação Comercial de São Paulo (ACSP). O valor corresponde a todo dinheiro pago em tributos no país. Em 2016, o mesmo valor foi alcançado somente no dia 6 de outubro.

Para a ACSP, o número mostra que a arrecadação do governo registrou aumento esse ano. Para o presidente da ACSP, Alencar Burti, a inflação é uma das causas para o que contribuíram para a elevação.

– A inflação pesou muito no período, aumentando o bolo arrecadatório; ela tem caído, mas ainda é alta. Também contribuíram a elevação de algumas alíquotas e a recuperação, mesmo que lenta, de alguns setores da economia – afirmou.

O Impostômetro foi criado em parceria com o Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário (IBPT) e se encontra instalado no Centro de São Paulo.

Sonegação também alta

Se por um lado os brasileiros já pagaram grande quantia em impostos até o momento, a sonegação fiscal no país também registra um valor alto. O Sonegômetro, de iniciativa do Sindicato Nacional dos Procuradores da Fazenda Nacional (Sinprofaz), estima que, desde o dia 1º de janeiro até hoje, mais de R$ 400 bilhões em impostos já foram sonegados pelos contribuintes.

Se a quantia for dividida pelo número de habitantes no Brasil, dá um valor de mais de R$ 2 mil por pessoa. Pelas contas do Sinprofaz, somente no ano de 2016 foram sonegados mais de R$ 539 bilhões em impostos.