Leia também:
X Governo federal libera repasse de R$ 2,3 milhões para Petrópolis

Alerj “recua” e desiste de votar passaporte sanitário em escolas

Retirada de pauta da proposta foi celebrada pela deputada Rosane Felix em suas redes sociais

Pleno.News - 17/02/2022 21h41 | atualizado em 18/02/2022 10h03

Plenário da Alerj Foto: Alerj/Thiago Lontra

Após a Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) colocar em pauta o Projeto de Lei 5370/2022, a Casa decidiu, nesta quinta-feira (17), recuar da decisão. O texto trata da adoção do passaporte da vacina em toda a rede escolar do estado.

A proposta é de autoria dos deputados Flávio Serafini (PSOL-RJ) e Eliomar Coelho (PSOL-RJ). Com a retirada da proposta de pauta, o texto será analisado em outro momento.

A decisão da Alerj foi celebrada pela deputada estadual Rosane Felix em suas redes sociais.

– NÃO AO PASSAPORTE SANITÁRIO NAS ESCOLAS. CONSEGUIMOS TIRAR DA PAUTA DE HOJE o Projeto de Lei 5370/2022 que obriga a apresentação de comprovante de vacina nas unidades de ensino. É uma exigência absurda, pois a vacinação contra a Covid-19 em crianças é decisão dos pais. Estão tentando coagir, constranger e discriminar quem pensa diferente. VENCEMOS A BATALHA, MAS A GUERRA CONTINUA! – apontou.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Rosane Felix (@rosanefelixdeputadaestadual)

Leia também1 Governo federal libera repasse de R$ 2,3 milhões para Petrópolis
2 Paulinha Abelha está em coma por bactéria no cérebro, diz site
3 MP denuncia militar que matou vizinho por homicídio doloso
4 Bolsonaro deixa Budapeste, na Hungria, e segue para o RJ
5 Paulinha Abelha, do Calcinha Preta, tem piora e está em coma

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.