Leia também:
X Elon Musk suspende compra do Twitter temporariamente

Musk diz seguir comprometido com a aquisição do Twitter

Bilionário fez nova publicação cerca de duas horas depois de afirmar que o acordo estava temporariamente suspenso

Paulo Moura - 13/05/2022 09h45 | atualizado em 13/05/2022 10h09

Elon Musk Foto: EFE/EPA/ALEXANDER BECHER

O CEO da Tesla, Elon Musk, assegurou, nesta sexta-feira (13), que ainda pretende comprar o Twitter. A declaração foi dada cerca de duas horas depois de o bilionário anunciar, por meio da rede social, que o negócio estava temporariamente suspenso.

– Ainda estou comprometido com a aquisição – escreveu ele.

Mais cedo, Musk havia afirmado que aguardava detalhes sobre os cálculos de que as contas falsas e de spam representavam menos de 5% dos usuários da plataforma. Os cálculos aos quais Musk se referiu nesta sexta foram divulgados no último dia 2 de maio.

– O acordo [para a compra] do Twitter está temporariamente suspenso por pendências em detalhes que sustentem os cálculos de que contas falsas [do Twitter] de fato representem menos de 5% dos usuários – escreveu.

No último dia 25 de abril, Musk acertou a compra da rede social por 44 bilhões de dólares (cerca de R$ 214 bilhões). Na ocasião, o bilionário afirmou que uma de suas prioridades seria justamente remover “bots de spam” da plataforma.

Leia também1 Presidente dos Emirados Árabes Unidos morre aos 73 anos
2 Supremo forma maioria contra produção de dossiê sobre antifas
3 Petrobras: Deputado quer que Sachsida explique privatização
4 Elon Musk suspende compra do Twitter temporariamente
5 Frias reage a declarações de Porchat: "Canalhice tremenda"

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.