CORONAVÍRUS
- Tudo o que você precisa saber
-->
Leia também:
X Itália registra menor número de mortes diárias desde março

Israel cria máscara que mata vírus com calor do celular

Protótipo está pronto desde março e pesquisadores esperam patente

Camille Dornelles - 21/06/2020 16h11

Máscara que funciona com USB Foto: Diuvlgação

Com uma entrada USB, uma máscara de proteção tecnológica pode ser mais uma solução contra o novo coronavírus. Um grupo de pesquisadores israelenses desenvolveram um equipamento que aquece e pode matar o vírus com o calor.

A máscara é reutilizável e o paciente conecta em sua entrada USB uma fonte de energia, que pode ser um aparelho celular. O equipamento então aquece a cerca de 70ºC, mas não queima o usuário graças a uma camada de fibras de carbono revestida por tecido.

O pesquisador responsável, o professor Yair Ein-Eli, afirmou que o protótipo está pronto desde março e já chegou a ser apresentado para empresas que poderiam comercializá-lo. Ele afirmou também que o aquecimento deve ser de cerca de trinta minutos para um resultado eficaz e que é preciso ter cuidados com o superaquecimento.

– Podemos garantir até algumas dezenas de ciclos, sem nenhum risco. Mais pode danificar o papel ou tecido da máscara e estragar sua capacidade de proteção de doenças no futuro – explicou à agência de notícias internacionais Reuters.

Leia também1 Israel obtém sucesso em testes de vacina contra Covid-19
2 Covid: Benjamin Netanyahu oferece ajuda a Bolsonaro
3 Hospital em SP cria teste de Covid-19 "em larga escala"
4 Israel anuncia descoberta de anticorpo contra coronavírus
5 Embaixador da China em Israel é encontrado morto

Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo