Leia também:
X Site pornográfico será encerrado e ativistas comemoram a vitória

Fortuna em bitcoins pode se perder após morte de bilionário

Mircea Popescu foi arrastado por correnteza e levou as senhas de sua fortuna consigo

Thamirys Andrade - 17/07/2021 13h14 | atualizado em 17/07/2021 14h13

mircea_popescu_widelg
Popescu detinha 1 milhão de bitcoins Foto: Reprodução

Quando morreu arrastado por uma correnteza na Costa Rica no último dia 23 de junho, o bilionário romeno Mircea Popescu levou consigo as senhas que dão acesso a sua fortuna em criptomoedas avaliadas em 2 bilhões de dólares (cerca de R$ 11 bilhões).

Agora, se ninguém mais tiver as chaves para acessar a carteira criptografada, os ativos que somam 1 milhão de bitcoins poderão ficar para sempre perdidos.

Popescu era um gigante do universo criptográfico, admirado por ter sido pioneiro do bitcoin e ter contribuído para o livro Bitcoin Standard. Por outro lado, ele era também classificado por internautas como pai da “toxicidade do Bitcoin”, por contribuir para a reputação tóxica da comunidade de usuários da criptomoeda.

O bilionário morreu aos 41 anos, ao nadar em região imprópria para banhistas, em Playa Hermosa, no noroeste de Costa Rica. Seu corpo foi identificado por uma mulher norte-americana que afirmou ser companheira dele, segundo informações do Órgão de Investigação Judicial reveladas à emissora Teletica.

Leia também1 Site pornográfico será encerrado e ativistas comemoram a vitória
2 Jeff Bezos deixa comando da Amazon após 27 anos
3 Saiba como criar uma conta no GETTR, rede de aliado de Trump
4 ONU: Brasil sobe 53 posições em ranking de segurança digital
5 Internet 5G impulsionará Brasil em áreas estratégicas, diz Faria

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.