Leia também:
X Nubank, Netflix, Spotify e outros apresentam instabilidades

Facebook: Dados de 1,5 bilhão de contas são vendidos na dark web

Coincidência? Informações foram disponibilizas após apagão desta segunda-feira

Pleno.News - 04/10/2021 17h29 | atualizado em 05/10/2021 12h31

Facebook Foto: Reprodução

Após o Facebook sair do ar devido a uma misteriosa falha global, dados de mais 1,5 bilhão de usuários da rede social estão sendo vendidos em um fórum de crimes virtuais na dark web. Ainda não se pode estabelecer uma relação entre o vazamento e o chamado “apagão” desta segunda-feira (4), mas os dados foram disponibilizadas também nesta tarde. As informações são do Canaltech.

Ao apurar o caso, o site Privacy Affairs verificou as amostras de dados disponíveis no fórum criminoso e constatou que as informações são reais. Um milhão de contas saem pelo valor de 5 mil dólares (cerca de R$ 27,3 mil).

Além disso, a Privacy Affairs cruzou os dados da amostras com a de vazamentos anteriores do Facebook e concluiu que essas são diferente das anteriores, o que indica ser um incidente novo, sem relação com o ocorrido em janeiro deste ano, em que 500 milhões de dados foram expostos.

Segundo postagens no fórum, os dados à venda incluem nome, e-mail, localização, gênero, número de telefone e ID de usuário. As senhas das contas não estão entre os dados disponíveis.

Os vendedores afirmam que as informações foram obtidas por raspagem de dados a partir de enquetes na rede social.

Postagem no fórum de cibercriminosos anunciando os dados. (Imagem: Reprodução/Privacy Affairs)
Postagem no fórum de cibercriminosos Foto: Reprodução/Privacy Affairs

Leia também1 Nubank, Netflix, Spotify e outros apresentam instabilidades
2 Ações do Facebook na Bolsa de Valores despencam mais de 5%
3 Facebook, WhatsApp e Instagram usam Twitter para se desculpar
4 Sem WhatsApp? Aprenda como instalar o Telegram no celular
5 Queda do WhatsApp, Facebook e Instagram vira piada no Twitter

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.