Leia também:
X Senado aprova PL que obriga planos de saúde a cobrir tratamentos fora do rol da ANS

Primeira morte por varíola dos macacos é confirmada no Rio

Vítima tinha 33 anos e veio a óbito exatamente um mês após primeiro caso fatal do país

Gabriel Mansur - 29/08/2022 20h10 | atualizado em 29/08/2022 20h13

Vírus da varíola dos macacos Foto: Pixabay

Morreu nesta segunda-feira (29), no Rio de Janeiro, um homem que estava com varíola dos macacos. A morte chama atenção porque é a primeira em decorrência da doença confirmada no estado e a segunda no Brasil. A informação foi confirmada pela Secretaria de Estado de Saúde.

A vítima, de 33 anos, estava internada no hospital Ferreira Machado, em Campos dos Goytacazes. Uma coincidência é que o homem, que não teve seu nome divulgado, veio a óbito exatamente um mês após a primeira fatalidade ser anunciada pelo Ministério da Saúde. No dia 29 de julho, outro homem, de 41 anos, faleceu em Minais Gerais.

A SES-RJ afirma que, assim como no primeiro caso, o cidadão apresentava baixa imunidade e comorbidades, que agravaram o quadro e o levaram à UTI no último dia 19. Pessoas que tiveram contato com ele estão sendo monitoradas pelo governo estadual.

Vale dizer que, até o momento, nenhum conhecido da vítima apresentou sinais de infecção. O Rio de Janeiro tem 611 casos confirmados da Monkeypox, enquanto outros 61 casos são classificados como “prováveis” e outros 474 como suspeitos.

Diante da conjuntura evolutiva, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou, nesta segunda-feira, o uso de testes diagnósticos ainda pendentes de registro pelo órgão.

Em nota, a agência garantiu a autorização para o uso imediato e emergencial de 24 mil kits, após solicitação conjunta da Secretaria de Vigilância em Saúde, do Ministério da Saúde, e do Instituto Bio-Manguinhos/Fiocruz.

Leia também1 Saúde recebe primeira remessa de antiviral contra monkeypox
2 Anvisa libera vacina e antiviral contra varíola dos macacos
3 Homem testa positivo para Covid, HIV e varíola dos macacos
4 Governo lança campanha de prevenção à varíola dos macacos
5 Rio de Janeiro abre posto para testagem da varíola dos macacos

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.