Leia também:
X Idosa de 80 anos anda 5 km a pé e não consegue ser vacinada

Vacinas da Pfizer e Moderna são altamente efetivas, aponta CDC

Estudo aponta efetividade de 90% após 14 dias da da segunda dose

Pleno.News - 29/03/2021 17h52

Quase 4 mil profissionais essenciais foram testados Foto: Divulgação/Moderna

O Centro de Controle de Doenças (CDC, na sigla em inglês) dos Estados Unidos afirmou que as vacinas contra a Covid-19 da Moderna e da Pfizer/BioNTech são altamente efetivas na prevenção de infecções, tendo em vista o mundo real.

Em estudo publicado nesta segunda-feira (29), o CDC aponta efetividade de 90% após 14 dias da aplicação da segunda dose na imunização, e 80% após passados 14 dias da aplicação da primeira injeção. A conclusão é de que as vacinas são recomendáveis para todas as pessoas elegíveis, segundo o comunicado.

O estudo levou em conta quase 4 mil profissionais essenciais que foram testados para a Covid-19 após serem imunizados nos EUA. No entanto, ainda há “incerteza” sobre o tempo necessário para o desenvolvimento da imunidade após a vacinação, o que o órgão aponta que seguirá sendo investigado.

*Estadão

Leia também1 Idosa de 80 anos anda 5 km a pé e não consegue ser vacinada
2 Maia emerge da 'solidão' e diz que Bia Kicis é "desequilibrada"
3 Uruguai descarta possibilidade de confinar a população
4 Covid-19: São Paulo transportará mortos usando vans escolares
5 Governador do Rio contraria a si mesmo e dá festa de aniversário

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.