Leia também:
X Com #LockdownNão, brasileiros se manifestam contra a medida

Reino Unido quer “certificados de imunidade” para novo normal

Britânicos vão ter acesso a certificados digitais caso atendam critérios determinados pelo governo

Paulo Moura - 23/11/2020 13h32

Reino Unido planeja criar passaportes para que pessoas possam andar pelas ruas Foto: Alamy

Na busca por retomar a normalidade em seu território apesar do momento crítico causado pela pandemia de Covid-19, o governo do Reino Unido está planejando criar um mecanismo classificado como “passe de liberdade” ou “certificado de imunidade” para liberar os cidadãos a circularem pelas ruas e retomarem a vida normal. A estratégia foi revelada pelo jornal inglês The Telegraph.

Segundo a publicação, os passes seriam concedidos para qualquer cidadão que tenha dois testes negativos para Covid-19 por semana, tenha imunidade ao vírus ou ainda não o tenha contraído. O The Telegraph afirma que os chamados “passes de liberdade” teriam a forma de um código QR e permitiriam aos seus portadores viverem uma vida normal.

Armazenado em um smartphone, o certificado digital deve permitir que as pessoas passeiem pelas ruas e, caso sejam questionadas do motivo pelo qual não estão usando máscaras, elas podem mostrar o cartão, a carta ou um aplicativo. A medida deve fazer parte das políticas de inverno contra a Covid no Reino Unido, que serão anunciadas nesta segunda-feira (22).

Apesar de ser anunciada com mais ênfase neste mês, a ideia não é necessariamente nova. Em abril, o Ministro da Saúde, Matt Hancock, já havia dito em uma coletiva de imprensa que um certificado de imunidade era uma coisa importante que eles estavam analisando tal medida.

Leia também1 Com #LockdownNão, brasileiros se manifestam contra a medida
2 Covas é apoiado por evangélicos após manter igrejas abertas
3 Cantor Louro Santos, sucesso do forró nordestino, morre de Covid
4 Guatemala: Governo considera incêndio um 'ato terrorista'
5 Covid: Governo assinará 'carta de intenção' sobre 5 vacinas

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.