Leia também:
X Oposição vai ao STF contra Bolsonaro por vacina a crianças

Pfizer nega pedido de vacinas infantis da Prefeitura do Rio

A administração da capital fluminense tentava adquirir, direto com a farmacêutica, doses para vacinar crianças

Paulo Moura - 23/12/2021 11h46 | atualizado em 23/12/2021 12h22

Frasco de vacina da Pfizer

O secretário de Saúde do Rio de Janeiro, Daniel Soranz, afirmou que a Pfizer negou o pedido de vacinas infantis contra a Covid-19 feito pela prefeitura da capital fluminense. A negativa teria ocorrido por conta de negociação para aquisição de novas doses que a farmacêutica já tem em andamento com o Ministério da Saúde.

– Começamos hoje [quarta, 22] a negociação com a Pfizer [de compra de vacinas infantis], mas, infelizmente, ela respondeu que não pode prosseguir com a negociação porque já assinou contrato com o Ministério da Saúde, já vendeu 100 milhões de doses e muito provavelmente entrega as vacinas para crianças no mês de janeiro para o ministério – disse Soranz em entrevista à CNN Brasil.

Endossando o que já foi dito pelo prefeito Eduardo Paes (PSD), Soranz afirmou que o Rio de Janeiro quer um anúncio de um cronograma sobre a vacina infantil. A decisão do governo federal sobre o tema, porém, só deve vir em janeiro, já que, nesta quinta-feira (23), o Ministério da Saúde inicia uma consulta pública sobre a vacinação infantil que deve seguir até o dia 2 de janeiro.

CARNAVAL NO RIO DE JANEIRO CONTINUA CONFIRMADO
Soranz declarou que a realização do Carnaval na cidade está mantida, considerando os níveis atuais controlados de contaminação e de internações pelo coronavírus. O chefe da pasta de saúde indicou, porém, que a realização do evento pode ser revista caso os números da pandemia voltem a piorar.

– Hoje temos um cenário muito favorável. Se houver qualquer sinal de aumento ou novas informações sobre novas variantes que justifiquem novas medidas restritivas, seremos os primeiros a alertar – completou.

Leia também1 Site dos Correios está fora do ar nesta antevéspera de Natal
2 Governo avalia se vai ingressar com processo contra Itapemirim
3 Brasil gera 324 mil empregos formais no mês de novembro
4 Depois de PSB e Solidariedade, PV tenta filiar Geraldo Alckmin
5 Governo recupera R$ 6,9 bilhões em auxílio pago indevidamente

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.