Leia também:
X Michelle volta às origens para ajudar pessoas carentes

“Injeção de ânimo”, diz 1ª voluntária a receber vacina

Imunizante é resultado da parceria entre o Instituto Butantã e farmacêutica chinesa

Rafael Ramos - 22/07/2020 09h46

Médica foi a primeira voluntária a receber a vacina contra Covid Foto: Reprodução

A médica Stefania Teixeira Porto, de 27 anos, foi a primeira voluntária a receber a vacina contra o novo coronavírus desenvolvida pela parceria entre o Instituto Butantã e a farmacêutica chinesa Sinovac. Funcionária do Hospital das Clínicas, em São Paulo, Stefania recebeu a injeção na manhã desta terça-feira (21).

– Estou contente de participar dessa experiência. É um momento único e histórico. Foi isso que me fez participar desse projeto e fazer parte desse momento. A gente passou por meses tão difíceis. É uma injeção de ânimo poder participar disso e contar para as pessoas no futuro que eu fiz parte disso”, afirmou a médica.

O Hospital das Clínicas, da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP), irá aplicar a primeira dose da vacina em 890 voluntários. Eles serão acompanhados por uma equipe especializada por 14 dias antes de receber a próxima dose.

Ao todo, 9 mil pessoas serão imunizadas em 12 centros pesquisa. O estudo deverá ser concluído em 90 dias e, diante dos resultados, a vacina começa a ser produzida no início de 2021. O imunizante precisa ser capaz de criar anticorpos para proteger o organismo contra o SARS-CoV-2.

Leia também1 Michelle volta às origens para ajudar pessoas carentes
2 Novo exame em Bolsonaro testa positivo para Covid-19
3 Pazuello diz que fabricação da vacina deve iniciar até janeiro
4 Para se despedir da mãe, filho escala parede de hospital

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.