Leia também:
X Anvisa aprova importação de mais doses da vacina de Oxford

Doria sanciona lei que multa em até R$ 99 mil fura-fila de vacina

Medida vale tanto para quem aplicar, quanto para quem receber a vacina ou facilitar a infração

Paulo Moura - 13/02/2021 11h38

Quem furar a fila da vacina em São Paulo será multado Foto: Agência Brasil/Marcello Casal Jr

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), sancionou a lei que prevê multa de até R$ 98,9 mil para a aplicação de vacinas contra a Covid-19 em pessoas de fora dos grupos prioritários no estado e que furem a fila de vacinação. A medida foi publicada na edição deste sábado (13) do Diário Oficial estadual.

O projeto de lei teve autoria dos deputados Heni Ozi Cukier (Novo) e Gilmaci Santos (Republicanos) e prevê multas para todas as partes envolvidas, desde o agente público responsável por aplicar a dose da vacina até quem receber a dose no braço, e, ainda, a autoridade ou funcionário público facilitador.

No texto, Doria vetou dois parágrafos de um artigo do projeto que previam o afastamento do profissional de saúde das funções caso ele vacinasse alguém preterindo a ordem da fila. A frase vedada por Doria permitia ainda a exoneração ou a rescisão dos contratos destes servidores.

O governador também vetou um parágrafo que previa que, caso o agente público penalizado por cometer a infração fosse detentor de mandato eletivo, poderia ser afastado do cargo.

Com a sanção, a lei precisa ser regulamentada para que possa ser aplicada no dia a dia. O governo prometeu fazer rapidamente a regulamentação e disse que o dinheiro arrecadado será destinado a um fundo de saúde estadual.

Leia também1 Câmara aprova punição para 'fura-fila' da vacina da Covid-19
2 Vacina: Alesp aprova multa de até R$ 100 mil a quem furar fila
3 Vacina: STF dá 5 dias para Saúde detalhar grupos prioritários
4 Maia tem 'ansiedade de poder' e 'falta de caráter', dispara Caiado
5 Covid: Deputado propõe lei que obriga divulgação de vacinados

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.