Leia também:
X Futebol brasileiro pode voltar no fim de junho, diz CBF

Doria anuncia que comércio reabrirá a partir de 1° de junho

Governador de São Paulo reforçou que medida começará em locais menos afetados pelo coronavírus

Paulo Moura - 20/05/2020 12h22 | atualizado em 20/05/2020 17h44

João Doria, governador de São Paulo Foto: Reprodução/TV Globo

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), anunciou nesta quarta-feira (20) que a economia no estado começará a ser reaberta no dia 1° de junho. Em entrevista para a rádio Jovem Pan, Doria afirmou que a medida será feita de forma escalonada e em fases.

– Haverá um momento, sim, a partir de 1º de junho em fases escalonadas, cuidadosas, zelosas, e isso feito com o setor privado para a flexibilização – disse.

O governador paulista alegou que apenas um quarto da economia ainda está fechada, mas que o governo segue conversando com os setores para tentar construir um meio de reabri-los.

– No estado, 74% da economia está aberta e 26% segue fechada, basicamente em comércio e serviços. Estamos dialogando com esses setores para construir etapas futuras, faseadas, seguras e de forma heterogênea – apontou.

Doria ainda afirmou que a abertura será “heterogênea” porque será iniciada pelos locais que sofreram menos com a pandemia e, ao mesmo tempo, onde haja capacidade de atendimento médico. O governador ainda disse que a análise levará em conta as regiões “onde não tenhamos ainda epidemia, casos e óbitos para permitir ações localizadas”.

Leia também1 Sem saída, Doria quer 'reunião de paz' com Jair Bolsonaro
2 Covid: Em SP, MPF investigará "supernotificação" de mortes
3 Caixa abre no megaferiado de São Paulo para pagar auxílio
4 Governo de SP vê Covid-19 por ora estabilizado na capital

WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.