Leia também:
X OMS inclui mais um remédio à lista de tratamentos anticovid

Covid: Criança vacinada e sem comorbidades morre em MG

Menino de 11 anos foi imunizado com a vacina da Pfizer no dia 21 de janeiro

Paulo Moura - 12/02/2022 16h22 | atualizado em 12/02/2022 16h43

Coronavírus Foto: Pixabay

Uma criança de 11 anos morreu na última quarta-feira (9), em Juiz de Fora (MG), vítima de Covid-19. De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, a criança “não possuía histórico de comorbidades” e estava com a “vacinação em dia”. O comunicado da pasta indicou que o menino foi imunizado com a vacina da Pfizer no dia 21 de janeiro.

A secretaria ainda informou que, após apuração interna junto à Unidade Básica de Saúde (UBS) responsável, foi confirmado que ele esteve presente na unidade na última terça-feira (8), acompanhado da avó, com queixa de tosse, febre, cefaleia, dor de garganta e fadiga. A avó disse que os primeiros sintomas apareceram no último sábado (5).

– Foi realizado exame médico, em que todos os sinais vitais apresentaram normalidade: frequência cardíaca 108 batimentos por minuto; saturação de oxigênio a 99% e pressão arterial dentro do padrão normal. Como praxe para casos como esse, também foi realizado um teste rápido antígeno com resultado reagente – afirmou a pasta.

A família da criança, porém, questionou o atendimento que o menino recebeu na unidade de saúde. Ao jornal MG1, da TV Integração, a avó da criança, Rose de Castro, afirmou que a UBS não poderia ter direcionado o neto para casa no estado em que ele se encontrava.

– Na minha opinião, eles deveriam ter chamado um auxílio para encaminhar meu neto para um hospital e dar todos os cuidados necessários. Ele não estava bom para ir para casa – declarou a avó.

A pasta justificou que após a avaliação médica foram prescritos medicamentos para combater os sintomas da Covid-19 e que o médico também recomendou o afastamento da criança das atividades escolares. Por fim, a secretaria defendeu que todos os protocolos e procedimentos médicos foram seguidos rigorosamente.

Leia também1 Biden e Putin conversam sobre situação na Ucrânia
2 Em Kiev, ucranianos prometem resistir a ataque russo
3 Queiroga critica cobrança de passaporte vacinal em escolas
4 Lula e Alckmin têm novo jantar, e chapa deve sair em março
5 Macron diz a Putin que tensão é incompatível com conversas

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.