Leia também:
X “Vacinados também transmitem variante Delta”, diz estudo inglês

CNN demite 3 funcionários que foram ao trabalho não vacinados

Presidente da emissora afirmou que medida faz parte de "uma política de tolerância zero" sobre o assunto

Paulo Moura - 06/08/2021 14h18 | atualizado em 06/08/2021 14h33

CNN americana demitiu três funcionários que não se vacinaram Foto: Reprodução

A CNN demitiu três funcionários que compareceram à redação da emissora norte-americana sem terem sido vacinados. A informação foi divulgada em um memorando enviado pela gestão da empresa aos colaboradores na quinta-feira (5). De acordo com o presidente da CNN, Jeff Zucker, a medida faz parte de “uma política de tolerância zero” sobre o assunto.

O comunicado emitido pelo gestor da empresa não especifica os nomes, os cargos ou a localização das redações dos funcionários demitidos. Até o momento, a CNN não comentou o assunto. De acordo com o memorando, as vacinas são obrigatórias para qualquer pessoa que faça reportagens, que trabalhe ao lado de outros funcionários ou que entre nas redações.

Em maio, o governo dos Estados Unidos afirmou que era legal os empregadores exigirem que funcionários que entram no local de trabalho estejam vacinados contra a Covid-19.

Gigantes da tecnologia como Facebook, Google e Microsoft informaram vão exigir que os funcionários estejam vacinados antes do retorno deles aos escritórios nos Estados Unidos.

Na nota enviada aos funcionários, Zucker afirma que a CNN provavelmente adiará para outubro a data de retorno aos escritórios, prevista inicialmente para 7 de setembro, para toda a empresa. Quase um terço dos funcionários da redação americana da rede está usando atualmente os escritórios de forma voluntária.

Leia também1 Acusada de doping, Tandara é suspensa das Olimpíadas
2 Na China, pai reencontra filho que foi sequestrado há 24 anos
3 Gyllenhaal sobre banhos: "Cada vez, acho menos necessário"
4 "A Lava Jato achou em mim um Cristo”, diz Sérgio Cabral
5 Medina se pronuncia sobre não ter se vacinado contra a Covid

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.