Leia também:
X Em 2021, Pfizer lucrou US$ 36 bilhões com vacina contra Covid

Autotestes de Covid-19 devem custar a partir de R$ 45 no Brasil

Valor praticado no país deve ser cerca de seis vezes maior do que o utilizado na Alemanha

Paulo Moura - 09/02/2022 08h35 | atualizado em 09/02/2022 09h27

Autoteste de Covid-19 foi aprovado no país Foto: Pixabay

Associações e fornecedores de autotestes de Covid-19 acreditam que o exame para detecção da doença custará entre R$ 45 e R$ 79 por unidade no Brasil. O valor é bem maior do que o praticado na Europa, onde os preços ficam em média na faixa de 2 euros, o equivalente a 12 reais. O dado consta em um levantamento realizado pelo site Poder 360.

O valor que deve ser praticado no mercado brasileiro está dentro do intervalo de preços de países como Estados Unidos (R$ 53 a R$ 180), Uruguai (R$ 60 a R$ 120) e Argentina (R$ 82). Na Alemanha, por outro lado, os autotestes custam bem mais barato, com o preço entre R$ 8 a R$ 17.

O autoteste é um exame rápido de antígeno feito pela própria pessoa, sem necessidade de ir à farmácia, laboratório ou hospital. No Brasil, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) liberou a incorporação desses testes no dia 28 de janeiro, mas ainda é necessário que as empresas consigam autorização para seus produtos.

Atualmente, ao menos cinco nações distribuem esses exames gratuitamente às suas populações: EUA, Reino Unido, Austrália, França e Canadá. No caso da França, o país decidiu estabelecer um preço máximo para os autotestes, de R$ 31. Outro país que adotou a mesma regra foi a Espanha. Porém, limitou o preço a um valor menor que o cobrado dos franceses: R$ 18.

Leia também1 Jairinho e Monique devem ser ouvidos em audiência hoje
2 Canadá: Contra vacina obrigatória, grupo fecha principal fronteira com os EUA
3 Jovem que deu à luz tem alta negada por não ter registro civil
4 Henkel: 'É preciso criminalizar o nazismo e o comunismo'
5 Fachin 'deixa' Geddel cumprir pena em liberdade condicional

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.