Leia também:
X Sardenha se torna 1ª região italiana a ficar livre de restrições

Adultos com variante de Manaus têm 10 vezes mais vírus no corpo

Constatação foi feita por pesquisadores da Fiocruz

Thamirys Andrade - 27/02/2021 17h38 | atualizado em 27/02/2021 17h39

Alteração faz com que mutação seja mais contagiosa Foto: Reprodução

Um estudo da Fiocruz revelou que adultos infectados pela variante brasileira P.1, originária do Amazonas, possui carga viral dez vezes maior que os pacientes contaminados com outras cepas.

– Se a pessoa tem mais carga viral nas vias aéreas superiores, a tendência é que ela vai estar expelindo mais vírus, e se ela está expelindo mais vírus, a chance de uma pessoa se infectar próxima a ela é maior – explica o líder do estudo e pesquisador da Fiocruz Amazonas, Felipe Naveca.

Na prática, a maior quantidade de vírus no corpo não contribui para a gravidade da doença, mas influencia diretamente na rapidez da transmissão.

– Carga viral não está relacionada com gravidade, a gente tem pacientes com alta carga viral e sintomas muito leves ou até sem sintomas – relata Naveca.

A pesquisa levou em conta 250 códigos genéticos do vírus durante quase um ano. Ela ainda não passou por revisão de outros cientistas, nem foi publicada em revista, mas pode ser conferida online.

Leia também1 Padre realiza missa no telhado de igreja de cidade em lockdown
2 USP lançará teste PCR específico para variante brasileira da Covid
3 Doze estados elevam restrições de circulação por conta da Covid
4 Diretor da OMS diz que Brasil vive tragédia e fala em '4ª onda'
5 Vacina da Pfizer reduz infecções assintomáticas na 1ª dose

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.