O ranking da CBF

CBF divulga ranking de clubes e resultado mostra que administração bem feita ajuda nas conquistas dentro de campo

Sergio du Bocage - 12/12/2018 09h05

A CBF divulgou o ranking de clubes para a temporada 2019. Para o torcedor, dá o prazer de ver como está seu time de coração, diante dos rivais nacionais. Para os clubes, ele tem duas funções mais importantes – o preenchimento de vagas na Copa do Brasil e de vagas na Série D, a última divisão do Campeonato Brasileiro. Nas oitavas-de-final da Copa do Brasil, o ranking também serve para dividir as equipes classificadas nas chaves da fase de mata-mata.

O ranking leva em conta a participação dos times em competições realizadas nos últimos cinco anos. Cada campeonato tem uma pontuação, cada colocação, um percentual e a cada ano passado um peso diferente. Faz-se a conta e temos o resultado.

Mas se olharmos com um pouco mais de atenção, vamos ver que o ranking, há pelo menos quatro anos, repete em suas primeiras posições as mesmas equipes, com uma ou outra mudança. Para 2019, por exemplo, os primeiros colocados são Palmeiras, Cruzeiro, Grêmio e Santos, a mesma posição do ano passado.

Se olharmos para 2017, vemos que o Corinthians aparecia nesse G4, caiu para sexto e agora está em quinto. O Atlético Mineiro, que era o quinto em 2017, para 2019 vai na sétima posição. O “penetra” do G6 é o Flamengo, que há dois anos é quem mais sobe no ranking, pulando da nona para a sexta posição e, há dois anos, sendo o segundo clube que mais pontua.

Mas indo um pouco mais atrás no tempo, chama a atenção a escalada do Palmeiras. Que em 2015 era apenas o 13º colocado. Pulou para oitavo, segundo e há dois anos lidera. Não é coincidência, mas há quatro anos o clube tem o patrocínio da Crefisa, o maior do país. E aí, voltamos a falar do Flamengo, que também sobe nesse ranking, sem dúvida alguma, graças ao suporte financeiro que tem.

Já falamos disso aqui em outras oportunidades. E não entrem na conversa de que tudo é por conta de cota de TV. Um clube organizado fatura por muitos outros meios, inclusive com a premiação dada nos campeonatos. Criatividade no uso da marca, proximidade com os anseios do torcedor, estádio próprio ou bem utilizado, quando for cedido/alugado. Uma boa e profissional administração é fundamental para o sucesso do time dentro de campo.

Então pra finalizar, aproveitando a onda do Brasileirão, o ranking de clubes da CBF para 2019, ficou com o seguinte G6:

1 – Palmeiras, 16.914 pontos

2 – Cruzeiro, 15.822

3 – Grêmio, 14.936

4 – Santos, 14.682

5 – Corinthians, 14.208

6 – Flamengo, 13.850

Sergio du Bocage é carioca e jornalista esportivo desde 1982. Trabalhou no Jornal dos Sports, na TV Manchete e na Rádio Globo. É gerente de programas esportivos da TV Brasil e apresenta o programa “No Mundo da Bola”.

Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo