Dinheiro não traz felicidade

Investimento financeiro não é garantia de título, no Brasil ou na Europa. Só é bom se, com ele, vier um craque

Sergio du Bocage - 17/04/2019 12h12


Se você ainda duvida desse ditado popular, dê uma olhadinha na tabela da Liga dos Campeões da Europa. Passe os olhos, também, pela final do Campeonato Paulista. Nessa competição, você não verá o Palmeiras, clube mais rico do país, com um patrocinador master de mais de R$ 80 milhões, brigando pelo título. Na Europa, o PSG, de Neymar, o Real Madri, de Zidane, e a Juventus, de Cristiano Ronaldo, além dos times alemães, estão todos de fora da semifinal.

E isso não é uma coincidência. É apenas uma resposta a quem acha que ter dinheiro garante a conquista de títulos e bate nessa tecla, cobrando dos clubes de maior investimento a obrigatoriedade de ser campeão, como se isso fosse uma questão monetária. Dinheiro não entra em campo, a menos que seja para subornar alguém, o que não é lícito. Lá dentro existem alguns outros fatores que fazem com que o futebol seja a tal “caixinha de surpresas” e o esporte mais agradável e surpreendente de se ver.

É óbvio que sempre vão existir os favoritos e que eles vão ganhar a maioria dos jogos, mas é bom dizer, também, que algumas vezes o favorito não é o mais rico – e a Liga dos Campeões dá mais uma mostra dessa situação. Ou você nunca ouviu essa outra expressão conhecida: “Tem elenco, mas não tem um time”?

Na indústria atual do futebol, em que bilhões são movimentados em todo o mundo, é claro que o dinheiro é importante, pois ajuda a contratar os melhores jogadores. Aí está o Barcelona, mantendo Messi e seguindo na luta pelo título europeu. E aí eu concluo: o craque traz felicidade e dinheiro. Sem ele, o futebol fica sem graça e vira um mero negócio.

Sergio du Bocage é carioca e jornalista esportivo desde 1982. Trabalhou no Jornal dos Sports, na TV Manchete e na Rádio Globo. É gerente de programas esportivos da TV Brasil e apresenta o programa “No Mundo da Bola”.

Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo