Leia também:
X PF cumpre mais de 150 mandados contra tráfico de drogas

Quando o diabo ataca as nossas crianças

Satanás tem atentado contra as crianças

Renato Vargens - 23/08/2020 07h55

Eu não tenho uma visão maniqueísta da vida. Eu não acredito que o diabo seja o responsável por todas as mazelas e misérias do mundo. Na verdade, eu entendo que devido ao pecado de Adão, toda a raça humana foi contaminada pela maldade ( Romanos 5:12).

Acredito que o homem é mau por natureza (Efésios 2:1-3) e que ninguém precisa lhe ensinar a ser perverso porque ele o é. Foi Jesus quem nos disse que do interior do homem é que procedem todos os maus desígnios (Marcos 7:21).

Contudo, as Escrituras nos ensinam que é com o diabo, nosso adversário (1 Pedro 5:08), a antiga serpente (Apocalipse 12:09) que travamos batalhas espirituais (Efésios 6:12).

Nessa perspectiva, torna-se mister que entendamos que ele tem lançado sobre a humanidade ideias, conceitos e valores absolutamente antagônicos aquilo que as Escrituras nos ensinam.

O diabo, nosso adversário, tem fomentado um severo ataque as nossas crianças. Ouso afirmar, que em virtude disso, a vida foi relativizada. Veja, por exemplo, o número de abortos cometidos no mundo:

– Segundo a Organização Mundial da Saúde, cerca de 55 milhões de abortos ocorreram no mundo, entre 2010 e 2014. Isso mesmo! 55 milhões! Que loucura, não é verdade?

Digo mais, satanás tem atentado com ímpeto contra as crianças e o aborto é uma das mais eficazes de suas estratégias.

Prezado leitor, ainda que para alguns o aborto seja natural, entendo que tirar a vida de um ser humano, ou de um feto, como os abortistas gostam de falar, é um absurdo. Aliás, como bem afirmou o pastor Judiclay Santos, chamar a criança em gestação de feto é uma manobra semântica para esconder a vigarice de defender o assassinato sem culpa.

Quanto a mim, continuo dizendo que o aborto é crime, assassinato e pecado e que a sua aprovação fere a vida e a santidade de Deus.

Renato Vargens é pastor sênior da Igreja Cristã da Aliança em Niterói, no Rio de Janeiro e conferencista. Pregou o evangelho em países da América do Sul, do Norte, Caribe, África e Europa. Tem 24 livros publicados em língua portuguesa e um em língua espanhola. É também colunista e articulista de revistas, jornais e diversos sites protestantes.
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.