Leia também:
X O Talibã é de direita ou de esquerda?

Ninguém solta a mão de ninguém?

Tenho notado o silêncio das feministas em relação ao Afeganistão

Renato Vargens - 21/08/2021 12h52

Uma foto dos pôsteres desfigurados de modelos, nas paredes de um salão de beleza em Cabul Foto: EFE/EPA/STRINGER
O que me impressiona nessa situação do Afeganistão é o silêncio das feministas; afinal, não vi nenhuma delas dizendo: “Ninguém solta a mão de ninguém”. Na verdade, elas gostam mesmo é de vociferar contra o “opressivo” ocidente, que é norteado pelos valores judaico-cristãos.

***

Ninguém valorizou mais as mulheres do que Jesus. Num tempo em que as mulheres eram tratadas como coisas, o Senhor as tratou com dignidade humana. A samaritana, a mulher que foi pego em adultério, Maria Madalena, Marta e Maria eram suas amigas e discípulas, bem como todas aquelas que o seguiram.

Jesus é o modelo perfeito de masculinidade e hombridade. Lidou com as mulheres com decência e graça a ponto de, na sua ressurreição, ter aparecido primeiro para elas.

Renato Vargens é pastor sênior da Igreja Cristã da Aliança em Niterói, no Rio de Janeiro e conferencista. Pregou o evangelho em países da América do Sul, do Norte, Caribe, África e Europa. Tem 31 livros publicados em língua portuguesa e um em língua espanhola. É membro dos conselhos do TGC Brasil e IBDR.

* Este texto reflete a opinião do autor e não, necessariamente, a do Pleno.News.

Leia também1 O que é o Talibã e por que as pessoas querem fugir do Afeganistão?
2 O Afeganistão e a transitória Cidade dos Homens
3 Razões porque feministas erram em defender o islamismo
4 A difícil e sofrida vida de uma mulher muçulmana

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.