Leia também:
X 5 dicas financeiras para o iniciante

Mulher é flagrada levando homem na coleira

Isso é muito mais do que fazer cada um fazer o que quer

Renato Vargens - 21/10/2020 11h44

A musicista Lark, de 21 anos, foi até um supermercado de Los Angeles (EUA) comprar um suco. O curioso é que a jovem é dominatrix – ou dominadora, como são chamadas as mulheres que comandam relacionamentos sadomasoquistas, e não foi sozinha. A mulher, de máscara e trajada com um look preto, levou um homem na coleira. Ele ficou andando como um cachorro.

Pois é, talvez você esteja dizendo consigo mesmo: O que tem demais? Cada um faz o quer…

Ora, meu caro, isso é muito mais do que fazer cada um o que quer. Na verdade, essa cena aponta para a desconstrução da família, da dignidade humana, bem como os valores cristãos que norteiam o ocidente.

Lamentavelmente o marxismo cultural (ideia concebida por Antônio Gramsci), tem sido bem sucedido não somente nos EUA, mas também no Brasil. Isso simplesmente pelo fato de que tem desconstruído a moralidade proveniente dos conceitos judaico-cristãos, os valores relacionados a masculinidade, a feminilidade, a estética, a arte, a lógica e a capacidade de intelecto do cidadão.

Gramsci defendia e acreditava que uma cultura destruída, seria muito mais fácil aderir ao socialismo. Nessa perspectiva, a música tocada, a arte exibida e a moralidade perdida têm contribuído muito para armação de um cenário em que luz tem sido chamada de escuridão, escuridão de luz, mau de bom e bom de mau.

Confesso que ver um homem e uma mulher em papeis tão degradantes me enche o coração de tristeza, visto que homens e mulheres, criados a imagem e semelhança de Deus, não deveriam desenvolver esse tipo de comportamento.

Lamentavelmente o ocidente caminha a largos passos rumo a destruição de valores que construíram nossas nações. O pior é que se isso acontecer mergulharemos numa ambiência anárquica, absorta em malignidade e longe de Deus.

Que o Senhor tenha misericórdia do nosso país.

Renato Vargens é pastor sênior da Igreja Cristã da Aliança em Niterói, no Rio de Janeiro e conferencista. Pregou o evangelho em países da América do Sul, do Norte, Caribe, África e Europa. Tem 26 livros publicados em língua portuguesa e um em língua espanhola. É membro dos conselhos do TGC Brasil e IBDR.
* Este texto reflete a opinião do autor e não, necessariamente, a do Pleno.News.
Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.