Leia também:
X 5 conselhos a um casal cristão que pensa em se divorciar

Bruna Karla e a intolerância dos “tolerantes”

A cantora está sendo atacada por defender a sua fé

Renato Vargens - 16/06/2022 13h49

Bruna Karla no Positivamente Podcast Foto: Positivamente Podcast

O movimento LGBTQIA+ e seus defensores amam falar em tolerância. Em seus simpósios, congressos, conferências e passeatas é comum encontrá-los dissertando sobre o tema, afirmando a necessidade de exercer paciência e benevolência com aqueles que deles divergem.

Entretanto, basta com que alguém os critique, ou discorde de sua percepção, que a tolerância se transforma em intolerância.

A prova disso é o ataque que a cantora Bruna Karla sofreu está sofrendo por ter afirmado que não cantaria num casamento homossexual.

Ora, vivemos num país livre e Bruna Karla, segundo a Constituição Federal, tem o direito de exercer liberdade de fé e crença. Todavia, por ela ter manifestado sua opinião foi afrontada por aqueles que se dizem tolerantes.

Pois é, tenho visto os defensores da tolerância reagindo com intolerância aos que pensam diferente. Nessa perspectiva, quando contrariados, os que deveriam ser tolerantes, respondem aos conservadores denominados por eles “intolerantes” com ironia, deboche e cancelamento nas redes sociais.

Ora, tolerantes não pregam tolerância? Por acaso não deveriam ser os defensores das denominadas minorias tolerantes? Por que será então que “tolerantes” não toleram ser contrariados? Afinal de contas não são os “conservadores” intolerantes?

Por fim, afirmo dizendo que Bruna Karla está certa em emitir sua opinião, afinal de contas ela possui direito e liberdade religiosa para isso.

Me siga no Instagram: https://instagram.com/renatovargens

Renato Vargens é pastor sênior da Igreja Cristã da Aliança em Niterói, no Rio de Janeiro e conferencista. Pregou o evangelho em países da América do Sul, do Norte, Caribe, África e Europa. Tem 32 livros publicados em língua portuguesa e um em língua espanhola. É membro dos conselhos do TGC Brasil e IBDR.

* Este texto reflete a opinião do autor e não, necessariamente, a do Pleno.News.
Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.