5 motivos para não levar os filhos ao baile de Carnaval

Hoje você leva os seus filhos, amanhã eles irão sozinhos

Renato Vargens - 18/02/2019 10h12


Volta e meia alguém me pergunta: “Pastor, qual o problema em levar meus filhos a um baile de carnaval infantil? O senhor vê algum equívoco nisso? O meu desejo é que eles se divirtam um pouco, nada além disso. Aliás, qual a sua opinião sobre o assunto?

Ora, bem sei que a motivação dos pais em levarem seus filhos a um baile de carnaval infantil é a melhor possível. Todavia, vejo que, ao fazê-lo, os pais cometem um erro gravíssimo.

Veja abaixo cinco motivos porque acredito que os pais não devem levar seus filhos a um baile de carnaval:

  1. O carnaval é uma festa profana que promove conceitos e valores absolutamente antagônicos à Palavra de Deus;
  2. O carnaval é uma festa promíscua e imoral, onde o adultério, a imoralidade e a irresponsabilidade sexual é exaltada;
  3. O carnaval é uma festa mundana onde o amor é relativizado, a vida “coisificada” e os relacionamentos descartados;
  4. O carnaval é a festa da carne, onde a natureza humana decaída e a apóstata se alimentam de todo tipo de pecado e iniquidade;
  5. O carnaval, seu conteúdo, seus valores e pecaminosidade afrontam a santidade de Deus, não glorificando em nada o nome de Cristo.

Ao ler essas razões, talvez você esteja dizendo consigo mesmo: “Ah! Que bobagem! Discordo disso. Até porque, pretendo levar meus filhos num baile infantil e não a num baile de adultos.”

Pois é… a estes, eu respondo dizendo:

Hoje você leva os seus filhos, amanhã eles irão sozinhos. E não adiantará em nada dizer-lhes que o carnaval é promíscuo, imoral e perverso, porque eles lhe responderão dizendo: “Ué! Se é isso tudo, por que quando crianças vocês nos levavam aos bailes infantis?”

Portanto, antes de levar seus filhos à “festa da carne”, pense bem e reflita se, com essa atitude, você estará glorificando a Deus, bem como contribuindo para a edificação daqueles que o Senhor os confiou.

Renato Vargens é pastor sênior da Igreja Cristã da Aliança em Niterói, no Rio de Janeiro e conferencista. Pregou o evangelho em países da América do Sul, do Norte, Caribe, África e Europa. Tem 24 livros publicados em língua portuguesa e um em língua espanhola. É também colunista e articulista de revistas, jornais e diversos sites protestantes.

Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo