Leia também:
X As tentativas de se legalizar o aborto, assassinato de crianças

5 conselhos a um casal cristão que pensa em se divorciar

Procure ouvir tanto a opinião como conselhos de pessoas maduras

Renato Vargens - 15/06/2022 12h58

5 conselhos a um casal cristão que pensa em se divorciar Foto: Pixabay

Lamentavelmente não são poucos os casais cristãos que têm enfrentado problemas no casamento, e que devido a isso pensam seriamente em se divorciar.

Visando ajudar esses irmãos a superarem suas crises conjugais, gostaria de trazer cinco conselhos práticos. Senão, vejamos:

1. Não seja precipitado em suas decisões. Lembre-se de que a Palavra de Deus ensina que peca quem é precipitado. (Provérbios 19:02).

2. Procure ouvir tanto a opinião como conselhos de pessoas maduras, isso com certeza ajudará o casal a evitar erros. (Provérbios 11:14).

3. Não seja impulsivo em suas palavras. Lembre-se de que a palavra dura suscita a ira e a branda desvia o furor. (Provérbios 15:11).

4. Não deixe que a mágoa tome conta do seu coração. Lance suas dores, decepções e frustrações diante do Senhor na certeza de que Ele poderá curar seu coração. Lembre-se daquilo que Efésios 4:31 diz: “Livrem-se de toda amargura, indignação e ira, gritaria e calúnia, bem como de toda maldade”.

5. Ore pelo e com seu cônjuge pedindo ao Senhor que restaure o amor, conceda perdão e transformação ao casamento abalado por erros, que com certeza não foram cometidos por uma só pessoa da relação.

Renato Vargens é pastor sênior da Igreja Cristã da Aliança em Niterói, no Rio de Janeiro e conferencista. Pregou o evangelho em países da América do Sul, do Norte, Caribe, África e Europa. Tem 32 livros publicados em língua portuguesa e um em língua espanhola. É membro dos conselhos do TGC Brasil e IBDR.

* Este texto reflete a opinião do autor e não, necessariamente, a do Pleno.News.
Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.