4 possíveis razões porque seu filho não quer ir mais à igreja

Quando o assunto é o abandono da igreja por parte dos filhos, as estatísticas são sombrias

Renato Vargens - 23/01/2019 10h13


Em virtude do abandono da fé por parte daqueles que geraram, alguns pais afirmam: “Meu filho não quer mais ir à igreja. Estou muito triste com isso”. Pois é, quando o assunto é o abandono da igreja por parte dos filhos, as estatísticas são sombrias. Alguns chegam a afirmar que 65% dos adolescentes que entram na universidade, acabam apostatando da fé.

Visando ajudar àqueles que temem ao Senhor e desejam que seus filhos não se afastem da comunhão com os santos, resolvi escrever pelo menos quatro atitudes erradas que contribuem para que adolescentes e jovens não queiram mais ir à igreja.

1. Negligencie o hábito de uma vida devocional – Se seus filhos não o veem lendo a Bíblia, orando e priorizando a comunhão com Senhor, como desejarão relacionar-se com Deus?

2. Negligencie o culto dominical – Se você é daqueles que falta o culto naos domingo por qualquer motivo, que prefere ir à praia ou ao jogo do seu time a estar na em comunhão com seus irmãos na igreja, como desejar que eles tenham vontade de ir ao culto?

3. Negligencie o testemunho cristão – Se o seu testemunho não condiz com a fé que você professa, como desejar que seu filho queira ir à igreja?

4. Fale mal da igreja e o faça na frente dele – Se você é daqueles que ama falar mal da igreja, dos irmãos, do culto e do pastor, e o faz na frente de seus filhos, como desejar que eles amem a igreja?

Pense nisso!

Renato Vargens é pastor sênior da Igreja Cristã da Aliança em Niterói, no Rio de Janeiro e conferencista. Pregou o evangelho em países da América do Sul, do Norte, Caribe, África e Europa. Tem 24 livros publicados em língua portuguesa e um em língua espanhola. É também colunista e articulista de revistas, jornais e diversos sites protestantes.

Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo