Leia também:
X Os revisionistas tentam criar novos heróis

Você já se perguntou quanto vale a paz?

A paz do Senhor é aquela que vem de Deus e nos conforta e revigora

Marco Feliciano - 26/11/2021 15h53

Quando nós, cristãos, encontramos alguém e o saudarmos com a “paz do Senhor”, na verdade estamos lhe desejando a melhor paz, aquela que vem de Deus e nos conforta, revigora e faz com que convivamos uns com os outros em harmonia, independente de nossas qualidades e defeitos; aquela paz que nos permite superar as agruras da vida moderna, na qual o tempo parece que anda mais rápido, desafiando as teorias de Einstein.

Às vezes nos perguntamos quanto vale a paz. A paz entre nações, por exemplo, vale para milhões de pessoas, e não apenas para os governantes delas. Já a paz na família cria bem-estar e gerações saudáveis. Além disso, a paz remete a uma transcendência que nos leva às promessas de Cristo.

Em João 14:27, Jesus disse: “Deixo-vos a paz; a minha paz vos dou”, daí a importância de cultivarmos a paz.

Portanto, neste ano que já vai terminado, procuremos reconciliar-nos com familiares, amigos e até inimigos, para que iniciemos um ano novo com paz, renovo espiritual, e para que nos conscientizemos de que o nosso tamanho condiz com o amor que cultivamos e, assim, possamos tornar esse mundo um pouco melhor.

A Bíblia Sagrada nos dá as ferramentas especiais para isto – o amor, a misericórdia e o perdão. Devemos usá-las.

Quando nos lembramos, por exemplo, dos mais necessitados, estamos espalhando o amor e a paz. Para isto, devemos ter em mente que, no Natal que se aproxima, o Papai Noel é apenas uma alegoria. Importante mesmo é o aniversariante Jesus. Sua Palavra é de amor e esperança e Sua volta se aproxima.

Plante uma semente na vida de alguém neste Natal e lembre-se das palavras do Mestre: “Quando o fizestes a um destes meus pequeninos irmãos, a mim o fizestes” (Mateus 25:40).

Finalizo com a paz do Senhor.

Que Deus derrame as mais escolhidas bênçãos celestiais sobre todos nós!

Marco Feliciano é pastor e está em seu terceiro mandato consecutivo como deputado federal pelo Estado de São Paulo. Ele também é escritor, cantor e presidente da Assembleia de Deus Ministério Catedral do Avivamento.

* Este texto reflete a opinião do autor e não, necessariamente, a do Pleno.News.
Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.