Leia também:
X Pela pureza da Bíblia

STF vai julgar ‘ideologia de gênero’ nas escolas

Supremo poderá tirar dos pais o direito sobre a educação dos filhos

Marco Feliciano - 01/11/2020 09h24

Atenção pais e mães, no próximo dia 11 o Supremo Tribunal Federal poderá tirar dos senhores o direito sobre a educação dos seus próprios filhos. Nessa data o STF julgará uma Ação Direta de Inconstitucionalidade movida por um partido político que pretende obrigar as escolas de todo país a adotarem o princípio de que ninguém nasce homem ou mulher, a chamada ideologia de gênero.

Vejo tudo isto com extrema preocupação e faço um apelo ao nobre relator da matéria, o ministro Edson Fachin. O ministro é um homem íntegro, defensor dos Direitos Humanos e o convido a observar a Convenção Americana de Direitos Humanos e o Pacto de San José da Costa Rica. O artigo 12, 4, da Convenção Americana de Direitos Humanos, dispõe: “Os pais, e quando for o caso os tutores, têm direito a que seus filhos ou pupilos recebam a educação religiosa e moral que esteja acorde com suas próprias convicções”.

LEIA TAMBÉM
+ Malafaia denuncia votação sobre “ideologia de gênero” no STF

Desta forma, ensinar de forma obrigatória conteúdos morais que destoam do senso comum da população, como é o caso das ideologias de gênero, seria manifestamente inconstitucional. São ideologias desprovidas de comprovação científica e seu ensino mostra uma odiosa violência do Estado contra a liberdade de escolha do cidadão.

Já manifestei minha opinião a respeito em outras mídias, mas parafraseando princesa Isabel: “Mil espaços eu tivesse, mil espaços eu usaria para alertar a sociedade sobre os tentáculos do monstro comunista que ronda nossas famílias”. Isso acontece através de partidos que perdem nas urnas e usam o Poder Judiciário para suas investidas contra a família brasileira.

Finalizo pedindo a Deus que ilumine os dignos ministros do Supremo Tribunal Federal em seus julgamentos. Que Ele derrame às mais escolhidas bênçãos celestiais a todas as nossas crianças.

Marco Feliciano é pastor, deputado federal por São Paulo e presidente da Assembleia de Deus Ministério Catedral do Avivamento.
* Este texto reflete a opinião do autor e não, necessariamente, a do Pleno.News.
Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.