Leia também:
X Quando não escutamos os avisos

A esquerda e seus movimentos que propõem “novas narrativas”

Não devemos permitir nenhuma infiltração da esquerda usando nosso povo como massa de manobra

Marco Feliciano - 11/01/2022 10h06

Movimento Novas Narrativas Evangélicas Imagem Reprodução

As esquerdas são verdadeiros camaleões que mudam de cor ao sabor do vento. Elas já tomaram as bandeiras do catolicismo durante décadas, com a teologia da libertação. E, uma vez infiltradas no clero, causaram grandes danos aos conservadores por terem uma agressividade que contrasta com a candura do evangelho. Mas a Igreja Católica reagiu e conseguiu pender a balança a favor dos verdadeiros cristãos.

Matéria do jornal o Globo de quinta-feira

Em pleno século 21 no Brasil, a cantilena da esquerda, tal como um pavio sem azeite, vai se apagando e não consegue mais convencer ou continuar a enganar os mais puros. Contudo, como sua estratégia de infiltrar-se no campo adversário já deu certo no passado, ela agora arma um novo ataque; desta vez, direcionado a nós, evangélicos. E o faz usando de artifícios demoníacos – como o de taxar os evangélicos tradicionais de “fundamentalistas”, rótulo que os distingue de seus áulicos, cortesãos que também se intitulam “evangélicos”, mas são “genéricos”, pois não pertencem a nenhuma Igreja regular tradicional que efetivamente represente o povo de Deus. Esses jovens do movimento Novas Narrativas conseguem reunir meia dúzia de gatos pingados, mas fazem um barulho digno de uma reunião das profundezas.

Em face dessa realidade, isto é um aviso e uma denúncia: não devemos, pois, permitir nenhuma infiltração de “grupos alienígenas” em nosso meio, para usar o nosso povo como massa de manobra! Então, oriento que você consulte seu pastor sobre esses atribulados que estão sob o soldo do ouro de “entidades alienígenas” que, depois de tomarem o poder, fecharão as igrejas e eliminarão a religião, destruindo templos e símbolos.

Finalizo agradecendo a Deus por nos iluminar em meio às trevas e pedindo que Ele derrame as mais escolhidas bênçãos celestiais sobre todo povo brasileiro, cristão até o tutano!

Marco Feliciano é pastor e está em seu terceiro mandato consecutivo como deputado federal pelo Estado de São Paulo. Ele também é escritor, cantor e presidente da Assembleia de Deus Ministério Catedral do Avivamento.

* Este texto reflete a opinião do autor e não, necessariamente, a do Pleno.News.
Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.