A aprovação do texto-base da reforma da Previdência

A luta continua e temos muito pela frente

Marco Feliciano - 05/07/2019 16h37

Reunião ordinária para votação do parecer do relator, deputado Samuel Moreira Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

Alô, irmãos e amigos que me acompanham no Pleno.News. Aproveito vossa atenção para comentar a aprovação do texto-base da reforma da Previdência na Comissão Especial da Câmara dos Deputados, que agora vai para discussão no plenário em dupla votação. Aproveito para exaltar o trabalho do relator, deputado Samuel Moreira, pelo equilíbrio na condução dos trabalhos da PEC de sua relatoria.

Já foi dito à exaustão que essa proposta é extremamente necessária para equilibrar as finanças públicas. Relembro que era uma medida impopular por influência das oposições ao governo, mas com os devidos esclarecimentos veio se tornar bandeira das manifestações a favor do governo do presidente Jair Bolsonaro e do ministro Sergio Moro.

Imediatamente ao anúncio da aprovação na Comissão Especial, o mercado reagiu e a bolsa de ações apresentou alta e o mesmo aconteceu com o dólar. Apesar das forças contrárias, a luta continua e temos muito pela frente.

Bilhões de dólares em investimentos estão no aguardo da efetiva aprovação da reforma da Previdência, devido à instabilidade que o déficit público provoca no mercado como um todo. A dívida pública do governo só se paga com dinheiro novo, através de investimentos internacionais ou com emissão de moeda. Sendo o último altamente inflacionário e só faz corroer a poupança popular.

Finalizo pedindo a Deus que continue iluminando meus colegas parlamentares para que votem o melhor para o Brasil e derrame as mais escolhidas bênçãos celestiais a todos.

Marco Feliciano é pastor, foi reeleito Deputado Federal por São Paulo com quase 400 mil votos e preside a Assembleia de Deus Ministério Catedral do Avivamento.

Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo