Abel deixa o Cruzeiro, mas treinador não é o culpado pela crise

Adilson Batista será o quarto técnico no pior ano da história do clube mineiro

Marcelo Penido - 29/11/2019 09h21

Abel deixa o Cruzeiro, mas treinador não é o culpado pela crise

Adilson Batista será o quarto técnico no pior ano da história do clube mineiro

Posted by Pleno.News on Friday, November 29, 2019

Mano Menezes, Rogério Ceni e Abel Braga: nenhum dos três deu conta de resolver os problemas internos do vestiário cruzeirense e fazer a equipe jogar bola.

A situação do Cruzeiro fica mais dramática rodada após rodada e a três jogos do fim do Brasileirão as chances de rebaixamento subiram para 75%.

A derrota de 1 a 0 para o CSA, em pleno Mineirão, escancarou a fragilidade de uma equipe que parece não querer reagir.

Em 14 jogos sob o comando de Abel Braga foram apenas três vitórias, três derrotas e oito empates, aproveitamento de 40%.

Ceni teve menos tempo, foram duas vitórias, dois empates e quatro derrotas, com um aproveitamento de 33% em oito partidas.

Mas a crise começou ainda sob o comando de Mano Menezes, que estava no cargo há três anos e era bicampeão da Copa do Brasil e do Mineirão.

O problema também não foi de Mano, que quando saiu vinha de um período de oito jogos sem a equipe marcar um único gol e apenas uma vitória em 18 partidas.

A crise é política e foi deflagrada a partir do vazamento das informações de gestão temerária do clube, com vários episódios de irregularidades e suspeitas de enriquecimento ilícito.

Adilson Batista terá a dura missão de manter o Cruzeiro na seleta lista dos clubes brasileiros que nunca disputaram a série B. Além da Raposa apenas Flamengo, Santos e São Paulo nunca foram rebaixados.

Com 36 pontos o time mineiro tenta ultrapassar o Ceará, primeira equipe fora do Z-4, com 37.

Pela frente o Cruzeiro terá Vasco e Grêmio, fora de casa, e Palmeiras, no Mineirão. Além de uma pressão inimaginável de sua apaixonada torcida.

Marcelo Penido é jornalista especializado em Gestão, Marketing e Direito Esportivo com passagens pelas rádios CBN, Globo e Tupi e pela TV Band News. Filho do locutor Luiz Penido, nasceu no meio do futebol e é apaixonado pelo esporte. Nesse espaço vai falar sobre o dia a dia dos principais clubes do Brasil.

Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo