Opinião Fábio Guimarães: A hipocrisia legislativa da esquerda

O bom senso precisa adentrar no Palácio Tiradentes, Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro, de preferência com a honestidade de mãos dadas

Fábio Guimarães - 26/02/2018 08h00

Meus amigos do Pleno.News, li, aqui mesmo no portal, uma reportagem que fala sobre um projeto de lei de um deputado esquerdista, aprovado pela Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj). A resolução proíbe supermercados de venderem bebidas por um preço diferenciado estando as mesmas quente ou geladas.

Você pode ler a reportagem clicando aqui.

Vamos lá entender o absurdo que estamos vivendo neste país. Veja: temos um sério combate à corrupção, intervenção federal na segurança pública do estado do Rio de Janeiro, hospitais falidos, escolas sem aulas, população aterrorizada. E, alguns de nossos representantes acham que o seu trabalho é intervir em uma relação econômica entre dois entes privados, um comprador e outro vendedor.

Isso não funciona, nunca funcionou! O máximo que o governo pode e deve fazer é regular algumas atividades essenciais e/ou concessões de serviços públicos. Infelizmente, alguns representantes do povo não entendem o funcionamento da economia e parece que o bom senso passou longe de suas vidas.

No caso específico, tenho certeza de que na cabeça do digníssimo deputado, autor do projeto de lei, deve gravitar algo como: “Estou fazendo um bem à população, agora quem for ao mercado vai comprar refrigerante gelado pelo mesmo preço do vendido quente”.

Projeto de Lei no Rio de Janeiro quer proibir a venda de bebidas a preço diferenciado Foto: Divulgação

Garanto para você, consumidor, que pelo fato de um freezer não funcionar sem energia elétrica, nem ser doado pelo fabricante para os comerciantes, o que vai acontecer é das duas uma: ou você vai chegar no mercado e só vai ter refrigerante quente, limitando assim suas possibilidades de consumo ou, parabéns, agora você vai pagar o preço pelo qual é vendido o refrigerante gelado no refrigerante quente. Não existe alternativa!

Espero que o governador vete a lei e que o bom senso chegue à esquina da Rua Primeiro de Março com a Rua da Assembleia, se possível adentrando o Palácio Tiradentes de mãos dadas com a senhora honestidade. Estamos precisando!

Fábio Guimarães é economista, formado pela UFRRJ com MBA em Gestão de Negócios pelo IBMEC-RJ. Palestrante, consultor e debatedor, atuou por mais de 10 anos como gestor nas áreas de trabalho e renda e desenvolvimento econômico.