Leia também:
X Por acaso há poder em suas palavras?

Situação da pandemia na América Latina

O fórum foi promovido pela Pontifícia Comissão para a América Latina, a Pontifícia Academia de Ciências Sociais e o Conselho Episcopal Latino-Americano (CELAM)

Esperidião Amin - 24/11/2020 11h20

Na quinta-feira (12) participei do seminário remoto: “América Latina: a Igreja, o Papa Francisco e os cenários da pandemia”, que contou com a participação do Pontífice.

O fórum foi promovido pela Pontifícia Comissão para a América Latina, a Pontifícia Academia de Ciências Sociais e o Conselho Episcopal Latino-Americano (CELAM). Teve como objetivo refletir e analisar a situação da pandemia na América Latina, suas consequências e possíveis linhas de ação e ajuda solidária.

Papa Francisco afirmou que a pandemia do coronavírus amplificou os problemas e injustiças socioeconômicas que já afetam gravemente a América Latina e pediu à classe política e à sociedade que evitem o confronto e lembrem a miscigenação que une os povos.

Francisco destacou que a COVID-19 ampliou e tornou mais evidentes esses problemas e injustiças e acrescentou que afetam os mais pobres duramente.

É nesse sentido que estamos trabalhando no Senado Federal, para que os recursos possam chegar aos “invisíveis”, como foi o caso do auxílio emergencial. Projeto esse que amplia o alcance aos trabalhadores informais prejudicados pela pandemia de coronavírus.

Esperidião Amin é senador da República por Santa Catarina, onde nasceu e foi criado. Graduado em Direito e mestre em Administração, é também autor de oito obras publicadas. Dentre elas, Solidarismo: Mais do Que Nunca, atual, de 1997.
* Este texto reflete a opinião do autor e não, necessariamente, a do Pleno.News.
Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.