Coluna Elaine Cruz: Projetos de verão

A imagem externa admirada por outros tem sido mais valorizada do que a imagem interna de quem somos

Elaine Cruz - 18/01/2018 08h00

Sempre que a estação mais quente se aproxima, seja no hemisfério Norte ou Sul, as pessoas correm para as academias, iniciam dietas e treinos insanos para conquistar o corpo perfeito para exibi-lo nas praias e calçadões. É o chamado Projeto Verão.

Saúde é coisa séria. Estar com as cotas no nível correto, ter mobilidade e uma alimentação saudável é o que se espera de todos. Mas o que muitas vezes gera absurdos, como a busca de um corpo fora dos padrões possíveis para estruturas genéticas, ou o uso de substâncias proibidas, não é a busca da saúde, mas de uma aceitação de autoimagem.

Assim como Ter passou a ser mais importante do que Ser, a imagem externa admirada por outros tem sido mais valorizada do que a imagem interna de quem somos. Assim sendo, ser magro é mais importante do que ser bom; ser bonito é melhor do que ser gentil; ser admirado pela forma é prioritário a ser admirado pelas atitudes e atos decentes e corretos.

Conjugar as duas coisas, como ser magro e bom, ter boa forma e honestidade, deveria ser o ideal a ser buscado. Infelizmente, o espelho nos lembra todos os dias de nossa idade, rugas, ganho de peso, calvície ou gorduras mal localizadas. Mas também, infelizmente, nem sempre temos um espelho interno, ou um verdadeiro amigo, que nos diga quando estamos sendo grossos, mal-educados, arrogantes, presunçosos, egoístas, maus, inconsequentes ou perniciosos com os outros e conosco mesmos.

Quem tem Deus, e ainda não desenvolveu uma consciência cauterizada, pode sentir o Espírito Santo apontando seus erros, nos fazendo olhar para nosso espelho íntimo. Para estes, e eu espero que seja o seu caso, querido leitor, ainda há a esperança de fazermos as pazes com os espelhos, externos e internos, com sobriedade, inteligência e uma boa dose de bom senso e amor próprio. Que este seja nosso projeto para todos os verões… e invernos, outonos e primaveras.

Elaine Cruz é pastora no Ministério Fronteira, na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro; Psicóloga clínica e escolar, especializada em Terapia Familiar, Dificuldades de Aprendizagem e Psicomotricidade; Mestre em Educação pela Universidade Federal Fluminense; palestrante e conferencista internacional, com trabalhos publicados no Brasil e no exterior; Mestre em Teologia pelo Bethel Bible College (EUA); e membro da Academia Evangélica de Letras do Brasil, com oito livros publicados.