Desenvolvendo Paciência

Ser paciente é conseguir engolir as indiretas e ignorar as ofensas. Ser capaz de ouvir uma ofensa e não se irritar ou se ferir

Elaine Cruz - 06/06/2019 12h00

A paciência pode ser compreendida como a característica de manter o controle emocional, sem perder a calma, ao longo de um tempo de espera. Ter paciência é ter boa tolerância a erros ou fatos indesejados, suportando incômodos e dificuldades de toda ordem, em qualquer hora ou em qualquer lugar. É persistir numa atividade difícil, sendo perseverante, esperando o momento certo para agir. Muitas vezes, pode ser a capacidade de ouvir alguém, com calma, com atenção, sem ter pressa – a capacidade de se libertar da ansiedade, aprendendo esperar.

A Bíblia afirma que ser paciente é um ato de sabedoria: A sabedoria do homem lhe dá paciência; sua glória é ignorar as ofensas. (Provérbios 19.11); O homem paciente dá prova de grande entendimento, mas o precipitado revela insensatez. (Provérbios 14.29).

A pessoa longânima, outra palavra para paciente, tem o pavio longo – diferente de muitas pessoas com o “pavio curto”, que explodem e reagem rapidamente de forma impulsiva frente à uma ofensa, se arrependendo quando as feridas já estão abertas. O paciente tem tempo de escolher bem as palavras antes de falar. Consegue ponderar as possibilidades antes de tomar uma decisão, e observa as opções antes de escolher bem.

Ser paciente é conseguir engolir as indiretas e ignorar as ofensas. Ser capaz de ouvir uma ofensa e não se irritar ou se ferir. Deixar o briguento brigar consigo mesmo, e não se envolver em situações das quais se arrependa mais tarde.

Deus é muito paciente conosco. E você já parou para pensar no que que seria de todos nós se ele não o fosse? Quantas vezes nós o fazemos esperar, quando sabemos o que precisamos fazer, e não fazemos? Isto sem falar dos anos que ele nos esperou até que aceitássemos o seu plano da salvação!

Portanto, seja longânimo, estendendo seu ânimo ao máximo, alongando seu pavio, se permitindo não mais reagir às provocações das pessoas e da vida. Lembre-se sempre de que a paciência de Deus está à sua disposição.

Elaine Cruz é pastora no Ministério Fronteira, na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro; Psicóloga clínica e escolar, especializada em Terapia Familiar, Dificuldades de Aprendizagem e Psicomotricidade; Mestre em Educação pela Universidade Federal Fluminense; palestrante e conferencista internacional, com trabalhos publicados no Brasil e no exterior; Mestre em Teologia pelo Bethel Bible College (EUA); e membro da Academia Evangélica de Letras do Brasil, com oito livros publicados.

Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo