Anos novos

Não deixe nada para os novos anos que virão, que você possa realizar hoje

Elaine Cruz - 28/12/2017 08h00

Você certamente já se perguntou o que realmente muda a partir da chegada de um novo ano. Os dias continuam a ter vinte e quatro horas, as estações do ano se repetem, nosso trabalho continua o mesmo, as louças voltam à pia para serem lavadas, e nossa caixa de email permanece cheia.

Algumas coisas mudam, e são de fato significativas: nossa imagem fica mais envelhecida, as rugas começam a aparecer, a faculdade acaba e a vida profissional se inicia, o bebê esperado chega para encher a casa, a aposentadoria é alcançada. Um novo ano traz eventos, casamentos, finalizações, realizações.

Deus é o mesmo ontem, é hoje e será no futuro. Ele é eterno, não subscrito a tempo ou espaço. Nós somos homens, datados por um calendário, envelhecidos pelo passar dos anos, supostamente amadurecidos pelo decorrer da vida e seus ensinos. Nossa mente não consegue conceber a nossa existência sem o tempo, e nossa psique seria destruída se o tempo não conseguisse amarrar e edificar nossa história pessoal mnemônica.

Lembranças e aprendizagens de anos velhos nos permitem olhar para os anos novos que virão. Portanto, viva bem, e melhor, todos os seus anos novos que ainda lhe restam. Invista no hoje, nos afetos partilhados, nas pessoas que lhe amam, nos projetos vivenciados e nas parcerias construídas em sua vida, não só profissionais, mas sentimentais. Aproveite mais a companhia ainda presente de seus filhos, troque experiências com seus netos, reafirme sua aliança e seu amor por seu cônjuge.

Faça planos para o próximo ano. Organize-se para viajar, escrever aquele poema, perder peso, ler mais a Bíblia, ocupar-se mais dos amigos, não levar trabalho para casa, fazer mais sexo com seu cônjuge, dedicar-se mais à sua casa e aos seus filhos, ocupar-se mais da obra de Deus, fazer seu mestrado, ligar mais para seus pais. Todos estes são planos válidos; mas não deixe nada para os anos novos que virão, que você possa realizar hoje.

Desejo um feliz 2018!

Elaine Cruz é pastora no Ministério Fronteira, na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro; Psicóloga clínica e escolar, especializada em Terapia Familiar, Dificuldades de Aprendizagem e Psicomotricidade; Mestre em Educação pela Universidade Federal Fluminense; palestrante e conferencista internacional, com trabalhos publicados no Brasil e no exterior; Mestre em Teologia pelo Bethel Bible College (EUA); e membro da Academia Evangélica de Letras do Brasil, com oito livros publicados.