Leia também:
X Por que Israel é tão odiado?

Atividades essenciais

Não se desvie nem para a direita, nem para a esquerda

Edvaldo Oliveira - 13/05/2021 08h00

Atividades essenciais Foto: Pixabay

“Somente seja forte e muito corajoso!” (Josué 1:7-8)

“Tenha o cuidado de obedecer a toda a lei que o meu servo Moisés lhe ordenou; não se desvie dela, nem para a direita, nem para a esquerda, para que você seja bem-sucedido por onde quer que andar. Não deixe de falar as palavras deste Livro da Lei e de meditar nelas de dia e de noite, para que você cumpra fielmente tudo o que nele está escrito. Só então os seus caminhos prosperarão e você será bem-sucedido.” (Josué 1:6-8)

Nesse momento de pandemia, existe uma discussão a respeito das atividades que devem ser mantidas, as chamadas atividades essenciais. Para aqueles que dependem da sua atividade para se manterem, para terem o seu sustento, certamente ela é considerada essencial, mas infelizmente, na opinião de certos governantes, algumas pessoas não devem exercer o seu trabalho, para que a disseminação do vírus seja contida, sobretudo nesse momento em que já são contabilizadas tantas mortes. A vida, acima de tudo, precisa ser preservada, e o isolamento social se torna necessário.

Mas quando nos referimos à nossa vida espiritual, se quisermos permanecer saudáveis em nosso espírito, algumas atividades são essenciais, porque elas vão ajudar a manter a nossa comunhão e a nossa intimidade com Deus, e isso é a base para uma vida espiritual consolidada.

Quando lemos a orientação que o Senhor deu a Josué (que vivia um momento de grande desafio na sua vida), vemos algumas atividades primordiais que vão ajudar-nos a manter o equilíbrio e até mesmo a sanidade mental nesse tempo de crise.

A primeira delas é a obediência à Palavra. Deus instrui Josué que tivesse o “cuidado de obedecer a toda a lei” que ele, o Senhor, havia revelado a Moisés. Isso fala de uma vida de obediência e santidade.

Às vezes, durante esse tempo de isolamento, seremos tentados a incluir em nossa vida e em nossa rotina, hábitos e práticas que desagradam a Deus; coisas que aparentemente vão até aliviar a nossa ansiedade (como as drogas, as bebidas, a pornografia e tantos outros pecados que podem até nos proporcionam um prazer momentâneo), mas que desagradam profundamente a Deus.

A vontade do Senhor é que sejamos santos, não importa a situação que estejamos enfrentando. No Salmos 51, Davi orou a Deus para que lhe desse um coração puro e um espírito inabalável, porque a impureza do seu coração havia feito com que o rei caísse em pecado.

A segunda atitude que foi proposta por Deus a Josué e que podemos considerar como atividade essencial para uma vida espiritual abençoada é falar da palavra de Deus e meditar nela todos os dias.

Muitas vezes, queremos preencher o nosso tempo com redes sociais, com programas de televisão, com noticiários que nos deixam sem esperança, e essas coisas só aumentam a nossa ansiedade. É importante tirarmos um tempo do nosso dia para ler a Palavra, estudá-la e refletir sobre ela; e, sobretudo, devemos proclamar a palavra do Senhor dentro dos nossos lares.

Em Deuteronômio 6, é dito que a Palavra de Deus deve estar dentro do nosso coração e que devemos ensiná-la com persistência aos nossos filhos, falando dela quando estivermos sentados em casa, andando pelo caminho, ao deitar e ao levantar. Sei que é um costume pouco comum na maioria das famílias, mas que precisa ser cultivado em nossa rotina, para que se torne um hábito entre as futuras gerações.

ORAÇÃO
Pai amado e querido, nós nos rendemos a ti com todo o nosso ser e nos submetemos aos ensinamentos contidos na tua Palavra. Que nesse momento de crise, de pandemia e de isolamento, quando estamos expostos em nossas emoções e tendo a nossa fé testada todos os dias, nós possamos nos aproximar ainda mais do Senhor, pois somente assim poderemos ser vitoriosos diante desse grande desafio que se coloca à nossa frente.

Cria em nós um coração puro e grava a tua Palavra dentro do nosso coração, para não pecarmos contra ti. Revela a todos os que forem alcançados por essa mensagem aquilo que é essencial para mantermos o nosso equilíbrio espiritual e emocional. É o que nós te pedimos em nome de Jesus. Amém.

Edvaldo Oliveira é coordenador e idealizador do Ministério Minuto com Deus. É formado em Teologia Ministerial pelo Seminário Cristo para as Nações e em Administração de Empresas. Mora em Belo Horizonte e congrega na Igreja Batista Videira.

* Este texto reflete a opinião do autor e não, necessariamente, a do Pleno.News.
Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.