Aos que clamam por seus filhos

Esta palavra é direcionada a você, que tem suplicado a Deus pela vida de seus filhos

Edvaldo Oliveira - 09/09/2018 08h00

“Se os seus filhos abandonarem a minha lei e não seguirem as minhas ordenanças, se violarem os meus decretos e deixarem de obedecer aos meus mandamentos, com a vara castigarei o seu pecado, e a sua iniquidade com açoites; mas não afastarei dele o meu amor; jamais desistirei da minha fidelidade. Não violarei a minha aliança nem modificarei as promessas dos meus lábios” (Salmo 89: 30-34).

O capítulo 89 de Salmos é uma promessa de Deus feita a Davi, mas essa mesma promessa pode ser recebida por nós que servimos ao Senhor. Salomão, filho de Davi, começou a abandonar a lei de Deus, e a Bíblia conta que muitos reis que vieram depois de Salomão também fizeram o que era mau perante o Senhor. Deus então diz que essas pessoas serão visitadas com vara e açoites.

Hoje, esta palavra é direcionada a você, que tem clamado a Deus pela vida dos seus filhos, aos pais e mães que lhes ensinaram os caminhos do Senhor, homens e mulheres que levaram os filhos desde pequenos para a igreja, mas que nesse momento estão vendo eles seguirem pelo caminho do pecado e escolherem a porta larga que conduz à perdição.

O texto diz que se isso acontecer, Deus vai punir os nossos filhos com vara e açoites. Fique tranquilo, essa correção é necessária. Hebreus 12 afirma que Deus disciplina a quem Ele ama, e castiga todo aquele a quem aceita como filho. Está escrito também que toda correção no primeiro momento parece ser motivo de tristeza, mas que depois produz fruto de justiça e paz.

Então, receba essa Palavra, meu irmão e minha irmã. Não se desespere se seu filho, ou sua filha, está afastado dos caminhos de Deus. Há uma esperança para ele. No tempo certo Deus o trará de volta, e ainda que ele tenham de sofrer com as consequências das suas escolhas, o Senhor não retirará dele o Seu amor. Deus tem uma aliança com você e com a sua família.

ORAÇÃO
“Deus, nós somos gratos pelo seu amor e pelo seu perdão. Pai, eu te peço que neste momento que o Senhor contemple o sofrimento dessa mãe e desse pai, que tem clamado a Ti com todas as suas forças, que oram todos os dias pedindo que seus filhos voltem aos seus caminhos. Deus, nós não vamos desistir dos nossos filhos, pois sabemos que o Senhor também não desiste deles. E ainda que seja necessário visitá-los com vara e açoites, sabemos que o Senhor não retirará deles o seu amor, e não quebrará a aliança que fez conosco, pois ela está respaldada pelo sacrifício do seu filho.

Eu oro em nome de Jesus, amém”.

ACOMPANHE O MINUTO COM DEUS NO YOUTUBE.

Edvaldo Oliveira é coordenador e idealizador do Ministério Minuto com Deus de mensagens para a internet. É formado em Teologia Ministerial, Administração de Empresas e Marketing. Mora em Belo Horizonte e está à frente da Igreja Ministério Minuto com Deus.

Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo