Como lidar com uma demissão?

Leitor foi demitido e pede ajuda para lidar com esse momento. Especialista responde

Como Lidar - 15/05/2018 11h39

“Tenho 39 anos e fui demitido. A empresa foi muito correta comigo, recebi todos os meus direitos, porém encontro-me sem emprego e não sei como lidar com essa situação. Estou muito ansioso, deprimido, tenho tido dificuldade para dormir e vivo tenso. Tenho procurado um novo emprego, mas sem sucesso. Me sinto um fracasso. O que eu tenho que fazer para controlar essas emoções e tentar voltar a trabalhar? Como posso lidar como esse problema?”.

Sérgio Santos, 29 anos, Campinas, São Paulo

Resposta:
Saber lidar com as emoções faz toda a diferença no momento da demissão. E isso depende de cada pessoa. Alguns podem sentir ansiedade, outros tristeza, ou então até um certo alívio por ter sido mandado embora de um emprego que já não satisfazia mais. Enfim… Mas é importante analisar o contexto de sua demissão. Normalmente quem está demitindo você não foi uma pessoa sozinha, e houve uma avaliação de outras pessoas em relação ao seu desempenho, à sua performance no trabalho. Por isso, ouça o que a pessoa tem a dizer, e veja se a vale a pena falar tudo que deseja naquele momento. Todo cuidado é pouco.

Depois da notícia é hora de elaborar essa demissão. Depois de demitido você precisa se organizar principalmente com as questões financeiras, fazer um planejamento, verificar outras vagas de cargos parecidos e suas disponibilidades. Mas caso o sentimento esteja intensificado é importante procurar um lugar calmo e tranquilo para refletir, caso não consiga elaborar sozinho é importante procurar um psicólogo para ajudar a passar por esse momento de maneira mais leve.

Aproveite também para fazer uma autoavaliação profissional. Prepare-se, veja outros empregos, ou a possibilidade de montar o próprio negocio e ajuste sua vida financeira.

Bruno Almeida é psicólogo clínico e organizacional, coach, especialista em desenvolvimento de carreira e idealizador do projeto Superando Desafios.