Como lidar com o Transtorno de Deficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH)?

Leitora teve filho diagnosticado com TDAH e pede ajuda. Neurologista infantil responde

Como Lidar - 08/05/2018 13h37

“Recentemente, meu filho foi diagnosticado com Transtorno de Deficit de Atenção com Hiperatividade, o TDAH. Fui a diversos especialistas, conversei com muita gente, mas confesso que ainda não consegui entender muito bem o que é essa doença. Por isso, tenho procurado todo o tipo de ajuda. Soube também que o diagnóstico, geralmente, causa impacto em muitos pais. Percebo, pelo comportamento de meu filho que ele é diferente das outras crianças. Então, pergunto: Meu filho conseguirá ser uma criança considerada ‘normal’? Existe alguma cura ou tratamento definitivo para a doença? Como eu consigo lidar?”.

Mariana Sousa, Patos de Minas, Minas Gerais

Resposta:
Muitos pais têm dificuldade em aceitar que o filho tenha algum tipo de transtorno. Como o TDAH não tem exames comprobatórios, os pais ficam descrentes. E o que é o TDAH? É uma dificuldade significativa para cumprimento de tarefas que exigem esforço mental e que tenham perfil monótono ou rotineiro. Muitos pais ou mesmo professores acreditam que é preguiça e falta de vontade da criança e não um condição biológica. Mas saiba que não é.

Alguns sintomas do TDAH são: baixo rendimento em atividades sequenciais ou determinadas por outras pessoas, desatenção para tarefas, grande distração, perda de objetos de uso regular, dificuldade em lidar e corrigir erros ou agitação psicomotora? Se seu filho apresenta alguns desses sintomas ou todos eles juntos, saiba que tudo isso sim é TDAH.

Mas, calma! Não há motivo para pânico. É possível você controlar esse transtorno com a prática de exercícios físicos, esportivas e/ou intelectuais junto com a medicações específicas e acompanhamento psicoeducacional.

Caso você ainda não saiba, em 30% dos casos o quadro pode evoluir para a redução dos sintomas a ponto de se anular os prejuízos no ambiente. Mas isto depende de cada caso. O mais importante agora é você escolher os profissionais que irão tratar de seu filho e prosseguir com o tratamento.

Clay Brites é pediatra e neurologista infantil do Instituto NeuroSaber. Também é professor do curso de pós-graduação de Neuropsicologia Aplicada à Neurologia Infantil na Unicamp e membro do Departamento de Neurologia da Sociedade Paranaense de Pediatria.

COMO LIDAR tem o propósito de servir como ferramenta de esclarecimento e apoio aos leitores apresentando perguntas e respostas, sobre variados temas.

Se você tem alguma questão ou dúvida que precise da explicação de um profissional, envie para redacao@plenonews.com.br