CORONAVÍRUS
- Tudo o que você precisa saber
-->
Leia também:
X Como lidar com filhos pequenos, isolados em casa na quarentena

Como lidar com as brigas entre casais

Devido ao período de isolamento dentro de casa, muitos maridos e esposas têm enfrentado dificuldades de relacionamento

Como Lidar - 24/04/2020 12h00

“Desde que a quarentena começou e passei a ficar em casa com meu marido, temos tido brigas constantes. Esta reclusão há deixa a gente nervosa e não temos conseguido nos entender. Preciso de ajuda porque não sei mais o que fazer”.

Mônica Sanches
Rio de Janeiro – RJ

RESPOSTA

Especialmente neste momento, os casais estão sendo provados em sua habilidade para se comunicarem entre si. Pesquisas atuais constatam que entre os dois principais motivos dos divórcios, está a dificuldade na comunicação entre o casal. A comunicação é o meio para conhecermos o outro e nos deixarmos conhecer.

A comunicação saudável leva a intimidade entre o casal. E a intimidade se desenvolve na convivência com a boa comunicação e não tem a ver unicamente com sexualidade, como associamos em nossa cultura. Um casal pode se relacionar sexualmente e não ser íntimo, pode estar casado há anos e não ser íntimo, pois não aprenderam a se comunicar bem. Sim, porque a boa comunicação se aprende.

Nestes dias em que estamos sendo expostos a uma convivência maior, temos a oportunidade de ir a um nível maior de intimidade, desenvolvendo uma melhor comunicação. Vou passar para você alguns princípios fundamentais na comunicação a dois:

  • Saber ouvir
  • Não triangular com filhos – Quando há filhos antes e no meio da relação entre o casal, isso interfere muito na comunicação)
  • Não triangular com família de origem – Quando há super envolvimento com a família de origem, o casal entra em conflito)
  • Desfazendo os ruídos com as perguntas: O que você entendeu que eu disse? Dizendo o que sentiu com clareza, educação, respeito, sem a intenção de ofender. Dia: “Quando você faz isso eu me sinto assim…”
  • Saber ouvir – Tenha uma escuta empática que implica em: 1) Escutar (estar ali, não dividindo aquele momento com nada) 2) Se colocar no lugar do outro 3) Não se precipitar em dar respostas antes da hora. 4) Não se preocupar em elaborar respostas. 5) Ouvir intensamente.

Enfim, é importante pedir ajuda, buscar ler sobre como melhor se comunicar com seu cônjuge (e filhos). Tente avaliar como foi o padrão de comunicação de seus pais e observar se não está repetindo em sua família nuclear.

Tenho uma boa notícia: É possível aprender a se comunicar melhor. Sua família irá agradecer!

Vanusa Ramos é psicóloga e terapeuta familiar.

 

COMO LIDAR tem o propósito de servir como ferramenta de esclarecimento e apoio aos leitores apresentando perguntas e respostas, sobre variados temas.

Se você tem alguma questão ou dúvida que precise da explicação de um profissional, envie para redacao@plenonews.com.br

 

Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo